Principais setores e marcas beneficiados pelo Mundial 2018 - Rankia Portugal
Entrar Criar conta
Acesso
Entrar em Rankia

Bem-vindo à sua comunidade financeira

Informe-se, debata, compartilhe experiências; aprenda sobre como economizar e investir. Faz parte da maior comunidade financeira, já somos mais de 750.000 desde 2003. Você se inscreve?

Principais setores e marcas beneficiados pelo Mundial 2018

Subscrever Agora

Selecione os temas que lhe interessa e personalize a sua experiência no Rankia

Enviaremos uma Newsletter cada quinze dias com as novidades de cada categoría que escolheu


Quer receber notificações dos nossos eventos/webinars?


David Silva, Account Manager XTB Portugal

Com o apito inicial do maior evento desportivo à escala global e um dos eventos desportivos mais esperados do ano, o Mundial faz sempre movimentar o mercado, desde o setor do vestuário, da alimentação e bebidas, ao setor aéreo e hoteleiro, fazendo assim com que muitas marcas atinjam o seu pico de vendas e receitas neste período, com especial destaque para as marcas patrocinadoras.

Alimentação e bebida é um dos setores que beneficará da popularidade do Campeona todo Mundo. O futebol sempre esteve em estreita ligação com refrigerantes, cerveja e salgados, de acordo com os estudos económicos realizados pela Anheuser-Bush InBev e Mc Donald’s. Em junho de 2006, o primeiro mês do Campeonato do Mundo de 2006 na Alemanha, foram vendidos quase 10 milhões de hectolitros de cerveja, um aumento de 14% em relação ao mesmo mês do ano anterior.

Os eventos desportivos têm um impacto positivo no curto prazo nos setores que estão diretamente envolvidos no recebimento dos espectadores. Sem dúvida, o Campeonato do Mundo favorecerá a aviação russa, que tem vindo a crescer nos últimos anos. A capacidade nacional aérea cresceu cerca de 14% e o Campeonato do Mundo deve fornecer 3,5 milhões de visitantes ao país (entrada bruta para 12 cidades).

Por fim, marcas que vestem as principais seleções do mundial como a Adidas, que é a principal patrocinadora desportiva do evento, e a Nike, que tem como auge os equipamentos da seleção nigeriana, que esgotaram em menos de 2 minutos no primeiro dia de vendas online e com filas
de centenas de metros em diversas lojas, deverão ver a sua cotação disparar à imagem das receitas que terão neste período.

Artigos Relacionados

Os futuros sobem com a força da tecnologia e a Tesla aumenta as percas  (Reuters) – Os futuros do índice de ações dos...

Deixar uma Resposta

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments