Qual é a diferença entre negociar com CFDs no mercado à vista e CFDs sobre forwards? - Rankia Portugal
Entrar Criar conta
Acesso
Entrar em Rankia

Bem-vindo à sua comunidade financeira

Informe-se, debata, compartilhe experiências; aprenda sobre como economizar e investir. Faz parte da maior comunidade financeira, já somos mais de 750.000 desde 2003. Você se inscreve?

Qual é a diferença entre negociar com CFDs no mercado à vista e CFDs sobre forwards?

Subscrever Agora

Selecione os temas que lhe interessa e personalize a sua experiência no Rankia

Enviaremos uma Newsletter cada quinze dias com as novidades de cada categoría que escolheu


Quer receber notificações dos nossos eventos/webinars?


Negociar com CFDs é uma operação muito comum devido à flexibilidade que oferece. Os CFDs permitem nos alavancar, ou seja, movimentar mais dinheiro no mercado do que realmente tem. Mas os CFDs também oferecem certas vantagens em relação à negociação com outros ativos, como a capacidade de shortar  (vender um ativo financeiro sem possuí-lo) para poder ganhar com a queda do mercado.

O que é um CFD no mercado à vista?

O CFD é um acordo em que a diferença de valor de um ativo é trocada entre o momento da abertura e do fechamento do contrato e permite que invista em qualquer tipo de mercado. Quando compramos um CFD em dinheiro, estamos eliminando o efeito de alavancagem, uma vez que estaremos comprando apenas uma parte proporcional do ativo para que as perdas que podemos ter não sejam superiores ao valor de nossa conta.

Qual é a diferença entre comprar um CFD no mercado à vista ou uma ação? 

Além da possibilidade de ficar curto, com uma ação estamos limitados a um tipo de ativo, enquanto que com CFDs não o fazemos. Esses instrumentos também oferecem a opção de operar com uma ampla variedade de ativos, como índices, obrigações ou commodities.

O que são os CFDs Forwards?

Contratos Forwards são contratos estabelecidos entre duas partes para comprar ou vender uma determinada quantia de um ativo a um preço estabelecido  numa data futura . Ou seja, são contratos que estipulam um preço de compra de um ativo em questão e uma data de vencimento que será fechada com o preço naquele momento no mercado. O contrato a termo deve especificar o tamanho do contrato e a data final.

O preço a termo é determinado pela previsão dos juros financeiros e dos dividendos que podem existir (se estiver numa ação ou num índice). Com os forwards não é obrigatório chegar ao vencimento, pois a operação pode ser fechada fazendo a ordem oposta, e coberta desta maneira.

A operação com esses instrumentos derivativos exige menos garantias (o que equivale a mais capacidade de alavancagem), uma vez que permite que a posição seja fracionada e operada com menores valores nominais. Também as comissões deste tipo de instrumentos são geralmente menores.

Diferenças entre negociação de CFDs em futuros ou com CFDs de mercado à vista

Existe alguma diferença entre o preço dos CFDs forwards e o preço à vista dos CFDs. A base reflete essa diferença entre um preço e outro.

Base = preço forward – preço à vista

Essa diferença em ambos os preços diminui à medida que o tempo passa e a data de vencimento se aproxima. Na data de vencimento, ambos os valores serão os mesmos e a base será 0. Portanto, isso deve ser levado em consideração se não estiver claro o fato de manter um futuro até o vencimento, pois o preço pode estar acima ou abaixo do preço da moeda em dinheiro.

Aqui está um exemplo de CFD mercado à vista no Dow Jones 30 (acima) e CFD forward no Dow Jones 30 (abaixo):

Neste caso real, o CFD à vista abriu em 19 779,5 pontos, e o CFD forward em 19 767 pontos, o que é uma diferença de 12,5 pontos na abertura em 13 de dezembro. e um mês depois a diferença é de 75 pontos. Isso é o que a base representa e, à medida que a maturidade se aproxima (março de 2017), essa diferença deve ser reduzida.

Quando é melhor investir à vista e quando é melhor com forwards?

O CFD à vista tem spreads mais baratos do que o Forward, mas se quiser manter a posição aberta além da sessão, haverá um custo para swaps. Então, se o que queremos é especular no curto prazo com operações intradiaria, a negociação com CFDs à vista será a melhor opção, já que teremos que arcar com menos custos. Para manter a posição aberta à noite ou até vários dias, os CFDs são uma opção muito melhor porque, embora tenham spreads ligeiramente mais altos, poupamos o custo do swap.

Se quiser aprender mais sobre CFDs, pode fazer download do nosso manual de CFDs gratuitamente

Artigos Relacionados

Hoje em dia tornou-se muito comum para o mercado bolsista e ganha cada vez mais força, neste post vamos dizer-lhe qual é a diferença entre a Spread Betting e a CFD Trading? Spread Betting Um Spread Betting o...
Quais são os componentes dos CFDs? Atualmente, os novos investidores têm a oportunidade de investir também a partir d...
Hoje em dia, é muito comum ouvir falar de CFDs de ações e outros ativos financeiros, muitos investidores negociam com...
Quais sãos as perguntas frequentes sobre CFDs? São tantos os novos investidores e tantas dúvidas que lhes são apresen...
Como funciona o trading com CFDs? A negociação de CFDs (Contratos por Diferença) é uma forma de negociação na bolsa d...

Deixar uma Resposta

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments