Depósitos a prazo vs Seguros de poupança

depósitos a prazo vs Seguros de poupança

Um seguro de poupança é o mesmo que um depósito a prazo?

Depósitos a prazo são contas na qual sós podemos criar uma poupança na nossa conta bancária.

Quais são as vantagens de um depósito a prazo e um seguro de poupança? Um seguro de poupança é mais seguro? E qual oferece maior rentabilidade? Em seguida, responderemos a todas essas perguntas.

Quais são as diferenças entre uma depósito a prazo e um seguro de poupança?

Embora os dois produtos mencionados acima possam parecer o mesmo produto, eles não são e devemos ser claros sobre a diferença entre um seguro de poupança e um depósito a prazo. A principal diferença entre depósitos e seguros de poupança é a segurança.

Os depósitos a prazo são segurados pelo Fundo de Garantia de Depósitos com um máximo de € 100.000 por entidade bancária e titular. Enquanto um seguro de poupança é um seguro e, portanto, a garantia dependerá da solvência da seguradora que terá de ser supervisionada pela Direcção-Geral de Seguros. Além disso, um montante máximo a ser devolvido em caso de falência não é garantido.

Outras diferenças entre depósitos a prazo e seguros de poupança são as seguintes:

Diferenças na rentabilidade:

  • Os depósitos a prazo mostram a rentabilidade que vão oferecer na TAN, enquanto o seguro de poupança o mostra o juro nominal apenas, que não inclui as despesas nem as comissões.

Diferenças nos produtos vinculados:

  • Os depósitos a prazo normalmente não têm serviços ou produtos vinculados, ao contrário que o seguro tem por exemplo um seguro de vida associado.

Diferenças no prazo:

  • O seguro de poupança é focado no longo prazo, normalmente entre cinco e dez anos, enquanto que com depósitos pode diversificar mais na maturidade, desde que tenha disponibilidade de um mês a aproximadamente cinco anos.

Diferenças no investimento:

  • Nos depósitos a prazo, dizemos quando começa e não podemos resgatar (por norma) até que termine. No caso do seguro de poupança, a sua operação é semelhante à de uma conta de poupança, ou seja, teremos que fazer contribuições periódicas durante a vida do seguro de poupança.

Diferenças na fiscalidade:

  • Como sabemos, os depósitos são tributados apenas pelos juros gerados e, dependendo do valor obtido, a taxa a ser aplicada será uma ou a outra, enquanto o seguro de poupança é tributado quando o total do capital investido é recuperado juntamente com os juros. A tributação do Seguro é claramente muito mais favorável que um depósito.

Vantagens e desvantagens

Vantagens dos depósitos a prazo vs seguros de poupança

  • Maior segurança: ser protegido pelo Fundo de Garantia de Depósitos pode nos proporcionar maior tranquilidade e não se preocupar com as suas poupanças;
  • Menos produtos associados: ao contratar um depósito, não será necessário contratar qualquer outro produto adicional, simplesmente teremos que abrir uma conta (na maioria dos casos sem comissões) na qual os juros serão depositados. No seguro de poupança é muito provável que tenhamos  de ter um seguro de vida ou qualquer outro tipo de seguro.

Desvantagens de depósitos a prazo vs seguros de poupança

  • Maior proteção: Embora não tenhamos comentado como uma desvantagem, se olharmos para ele de outra perspectiva, podemos transformá-lo numa vantagem, já que se tivermos que contratar seguro de vida teremos cobertura de proteção que não teremos com o depósito.
  • Maior Rentabilidade: como sabemos, quanto maior o risco, maior a rentabilidade. Este é o caso do seguro de poupança, oferecendo um retorno maior do que os depósitos.

 

Sobre o autor

Henrique Garcia
Analista de Mercados