Green marketing: o que é e como funciona - Rankia Portugal
Entrar Criar conta
Acesso
Entrar em Rankia

Bem-vindo à sua comunidade financeira

Informe-se, debata, compartilhe experiências; aprenda sobre como economizar e investir. Faz parte da maior comunidade financeira, já somos mais de 750.000 desde 2003. Você se inscreve?

Green marketing: o que é e como funciona

Subscrever Agora

Selecione os temas que lhe interessa e personalize a sua experiência no Rankia

Enviaremos uma Newsletter cada quinze dias com as novidades de cada categoría que escolheu


Quer receber notificações dos nossos eventos/webinars?


Green marketing: o que é e como funciona

O que é o Green Marketing Verde? Vivemos em plena crise climática, numa altura em que as pessoas tomaram maior consciência sobre as atuais condições ambientais. Problemas como o aquecimento global, o hiperconsumismo ou a sobre-utilização do plástico demonstram que os recursos do nosso planeta não são eternos e que o modo de vida que levamos é insustentável a médio e longo prazo. Por isso, é preciso adotar novos hábitos de consumo e comportamentos mais verdes.

Também as empresas perceberam ser preciso fazer algo sobre isso. Afinal de contas, estas são as maiores poluidoras do mundo e é fundamental reduzirem a sua pegada económica. Aliado a isso, os consumidores passaram a prestar mais atenção a marcas e produtos ambientalmente mais conscientes. Tudo isto levou ao desenvolvimento do green marketing ou, em português, o marketing verde, que se tem tornado numa estratégia quase obrigatória de todas as empresas.

Assim, o marketing digital pode-se definir como as estratégias de marketing que as empresas de serviços ou de produtos adotam para se colocarem em termos ambientais, seja numa perspetiva de consciência ecológica, seja com o intuito de se tornarem mais sustentáveis a curto prazo. Essa postura mais verde tem depois reflexo na comunicação com os seus clientes e seguidores, na imagem e até na propaganda que fazem aos seus serviços ou produtos.

A origem do Green Marketing

Apesar de ser um tendência em alta, o marketing verde tem a sua origem bem mais lá atrás, nomeadamente na década de 60. Foi nessa altura que a sensibilização ecológica no mundo ocidental começou a desenvolver-se, se bem que o seu crescimento tem sido exponencial especialmente a partir do final do século passado.

À medida que novos estudos foram sendo divulgados, demonstrando a urgência em atuar de forma significativa, as empresas passaram a usar este comportamento ecofriendly como uma estratégia de engajamento para com o público. Não é por acaso que praticamente todos os produtos que encontramos no supermercado contêm selos que atestam que todos os ingredientes são “100 por cento naturais”, que “não contém pesticidas”, que garantem a salvaguarda dos animais ou que “protegem a fauna e a flora”.

No mudo ocidental, nomeadamente na Europa e na União Europeia, os padrões ambientais são cada vez mais altos e exige-se cada vez mais das empresas. Também os consumidores, com o aumento da sua consciencialização para o tema, passaram a exigir o mesmo dos produtos que consomem. Por isso, o marketing verde é também uma forma que estas encontraram de aumentar as vendas, de capitalizar esse investimento, de fidelizar os seus clientes e de captar novo público.

Como funciona o Green Marketing

Tendo em conta que o marketing verde pretende expor aos clientes a consciência ecológica da empresa, as suas estratégias focam-se no produto final da mesma. O truque passa por realçar os benefícios que este produto em causa tem para o meio ambiente, especialmente quando comparado com outro semelhante, mas menos sustentável.

Ao provar que está engajada e comprometida com um futuro melhor e mais verde, a empresa garante também o engajamento do consumidor, cada vez mais preocupado com este tópico. Dependendo do raio de ação ou do sector, as ferramentas e as estratégias de marketing verde adaptam-se às reais necessidades de ambas as partes, já que são muito flexíveis e versáteis.

Estratégia do marketing verde das empresas

O marketing verde, tal como todos os ramos do marketing em geral, é uma disciplina que está em constante evolução. Os profissionais do sector procuram constantemente novas estratégias e ferramentas para passar a sua mensagem e para engajar novos clientes, enquanto fidelizam os antigos.

Existem várias estratégias que as empresas podem seguir, desde as mais básicas até às mais avançadas. Podemos tomar alguns exemplos práticos muito comuns. Por exemplo, através da utilização de embalagens recicladas. Ao optar por cartão reciclado, por exemplo, as empresas garantem um produto mais sustentável e amigo do ambiente, o que agrada aos seus clientes, enquanto garantem um futuro mais verde.

Outra estratégia de marketing verde passa por aumentar a durabilidade dos produtos, de forma a combater o desperdício, o consumismo descartável e até mesmo para promover a reutilização. Finalmente, a substituição de produtos ou serviços mais poluidores por alternativas ecologicamente mais amigas do ambiente é outra prática comum entre as empresas. Todos saem a ganhar com estas práticas: os profissionais, os consumidores e, claro, o planeta.

Artigos Relacionados

Em plena crise climática, em que de ano para ano urge reduzir as emissões de dióxido de carbono para tentar atingir as metas do tratado de Paris, a sustentabilidade é cada vez mais importante e fundamental. ...

Deixar uma Resposta

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments