Os tipos de transferências - Rankia Portugal
Entrar Criar conta
Acesso
Entrar em Rankia

Bem-vindo à sua comunidade financeira

Informe-se, debata, compartilhe experiências; aprenda sobre como economizar e investir. Faz parte da maior comunidade financeira, já somos mais de 750.000 desde 2003. Você se inscreve?

Os tipos de transferências

Subscrever Agora

Selecione os temas que lhe interessa e personalize a sua experiência no Rankia

Enviaremos uma Newsletter cada quinze dias com as novidades de cada categoría que escolheu


Quer receber notificações dos nossos eventos/webinars?


Existem diferentes tipos de transferências que podemos diferenciar de acordo com o território onde são feitas, quantias de dinheiro e outras características, entre as comuns que encontramos:

Tipos de transferências

  • Transferências básicas: aquelas que são feitas dentro do Espaço Económico Europeu, isto é, dentro da Espanha ou entre uma entidade na Espanha e outra de qualquer Estado Membro da UE ou de países que não aderiram ao Regulamento da UE 2560/2001 Liechtenstein, Noruega e Islândia. O montante permitido numa transferência de base deve ser igual ou inferior a 50.000 euros, debitado e creditado na conta e mostrado junto do BIC e IBAN, o preço das transferências de base é partilhado entre o ordenador e o beneficiário. Além disso, é necessário que eles não tenham informações adicionais entre o pagador e o beneficiário que excedam o tempo atual estabelecido nos campos de conceito que são comunicados no extrato ou similar, o que implica a realização de uma gestão específica diferente da liquidação.
  • Transferências normais:  São todas as transferências que violam qualquer dos requisitos indicados para as transferências básicas, embora seja necessário que a transferência seja feita dentro do Espaço Económico Europeu. Quando a transferência é feita entre escritórios de diferentes Estados da UE, o montante máximo é de 50.000 euros, é também obrigatório incluir o BIC completo e válido e o IBAN da conta do ordenador e do beneficiário.
  • Ordem de pagamento por transferência:   são todas as transferências em que uma conta BIC e IBAN completa e válida. De tal forma que o mínimo exigido para processar é o código do banco e o escritório da entidade beneficiária.
  • Transferências urgentes: qualquer transferência em que, através de procedimentos especiais, as entidades participantes garantam que os fundos são pagos no mesmo dia da data de cobrança, para o qual o processamento da ordem é automaticamente requerido. Deve ter as características que permitem o tratamento autorizado, ou seja, BIC e IBAN.

Uma forma barata de enviar dinheiro?

Transferwise é, em media, 9 vezes mais baratos que os principais bancos do Reino Unido.

transferwise

Artigos Relacionados

Deixar uma Resposta

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments