Análise do Fundo BlackRock World Technology Fund A2 EUR

BlackRock World Technology Fund A2 EUR

A continuação, apresentamos uma análise completa do BlackRock World Technology Fund A2 EUR, um fundo de investimento em ações que investe em empresas do setor tecnológico com cinco estrelas Morningstar.

A BlackRock demonstrou mais uma vez sua capacidade de oferecer aos investidores produtos financeiros da mais alta qualidade. Neste artigo analisaremos a sua política de investimento, a composição da sua carteira e, claro, a rentabilidade e o risco do BlackRock World Technology Fund A2 EUR.

BlackRock – Empresa de Gestão Líder Mundial

ISIN LU0171310443
Categoria Morningstar Ações Sector Tecnologia
Data de lançamento do fundo 3 de março de 1995
Moeda Base Dólar Americano
Classe de Ativos Equidade
Investimento Inicial mínimo 5.000 €
Despesas 1,81%
Carga inicial 5%

A BlackRock é a maior sociedade gestora  de património gerenciado (AUM) que existe. Os seus ativos sob gestão elevam-se a 6,7 biliões de doláres, conforme relatado pelo ranking anual Top 500 Asset Managers Report 2020 (publicação Investments & Pensions Europe).

É uma grande empresa financeira capaz de oferecer soluções de investimento a clientes em todo o mundo. Trabalha com todos os tipos de ativos e veículos de investimento, incluindo produtos alternativos e sustentáveis. Ele até colabora nos programas de estímulo do Federal Reserve dos Estados Unidos.

Com cerca de 100 unidades de investimento e mais de 10.100 empregados repartidos por 27 países, consegue obter informação em primeira mão e oferecer uma diversificação geográfica completa nos seus produtos. Além disso, está sediada na Espanha desde 1994, o que oferece proximidade; por ser uma entidade comprometida com as necessidades de seus clientes.

Nesta ocasião, analisamos um dos seus fundos de investimento com o mais destacado: o BlackRock World Technology Fund A2 EUR. É um produto de alta qualidade. Alcançou uma classificação de 5 estrelas na classificação Morningstar e tem sido capaz de entregar retornos anuais positivos nos últimos 7 anos.

Qual é o objetivo e a política de investimento do BGF World Technology Fund A2 EUR?

O BlackRock World Technology Fund A2 EUR é um fundo de investimento pertencente à categoria de ações do setor tecnológico.

Por conseguinte, o seu objetivo é claro e a sua política de investimento é simples: maximizar a rentabilidade através de uma combinação de crescimento do capital e rentabilidade dos ativos do fundo, através do investimento de, pelo menos 70% do seu património em ações de empresas com presença no setor de tecnologia. Tem capacidade para investir em empresas vanguardistas, pioneiras das novas tecnologias.

Não tem qualquer restrição geográfica e pode até usar derivados financeiros para fins de investimento (em outras palavras, para maximizar retornos e alcançar os objetivos, não exclusivamente como cobertura).

Trata-se de um fundo de acumulação. Os retornos que as ações que compõem a carteira podem oferecer não são distribuídos entre os participantes, mas são incorporados ao valor do fundo para contribuir para o seu crescimento.

Como é composta a carteira do BlackRock World Technology Fund A2 EUR?

O gesor do BlackRock World Technology Fund A2 EUR, Tony Kim, pode escolher e atribuir valores à carteira no índiceo MSCI AC World Information Technology Index.

No entanto, é simplesmente um índice de referência: o fundo de investiment tem um Alpha 3a de 7,94, o que mostra a gestão ativa e a habilidade do gestor em seu trabalho. Tony Kim conseguiu agregar valor ao fundo (sem dúvida, esse tipo de setor teve um bom desempenho, mas o gestor obteve retornos extraordinários).

Em princípio, estamos olhando para um fundo global, sem restrição geográfica. No entanto, observa-se em sua repartição por áreas como os Estados Unidos tem peso considerável. Assim permanece sua composição por regiões:

Áreas geográficas % Carteira
EUA 60,42%.
Ásia Emergente 16,68%.
Ásia desenvolvida 6,47%.
Zona Euro 6,20%.
Ibero-América 4,37%.

Não é de estranhar que os Estados Unidos tenham um alto percentagem de representação, visto que este país possui um forte setor de tecnologia e nele estão as principais empresas desse setor.

Isso não é incomum em fundos de investimento de  ações no setor da  tecnologia. De facto, uma exposição de 60,42% a esta área é inferior à do índice de referência deste próprio fundo de investimento.

Por outro lado, considerando sua composição setorial, a tecnologia desempenha um papel predominante. No entanto, existem setores paralelos que aproveitam as aplicações tecnológicas. Em outras palavras: empresas que usam tecnologia para oferecer outros serviços. O exemplo mais claro é a Amazon (em suma, é uma empresa do setor de consumo cíclico que utiliza a tecnologia para realizar seu processo de vendas).

Assim, a repartição setorial do BlackRock World Technology Fund A2 EUR é definida da seguinte forma:

Setores % Carteira
Tecnologia 55,39%
Consumo Cíclico 18,19%
Serviços de comunicação 16,71%
Serviços financeiros 4,20%
Consumo Defensivo 1,82%

Caso falte um setor entre os principais setores deste fundo, talvez seja o de cuidados de saúde (tem apenas uma exposição de 0,74% dos seus ativos).

Essa indústria também tem um forte componente tecnológico e, além de ter apresentado muito bons resultados, segundo especialistas, tem grande potencial de crescimento. A exposição média desta categoria de fundos ao setor saúde é de 3,70%. De qualquer forma, dados os resultados obtidos (que veremos em breve), não se pode dizer que as decisões tomadas pelo gestor estejam erradas.

Só falta analisar em quais empresas detalhadas o BlackRock World Technology Fund A2 EUR investe o seu património.

Se olharmos para às dez maiores posições do portfólio, podemos ter uma ideia melhor de como o capital é distribuído:

10 melhores posições 0% Carteira
Apple 3,70%
Microsoft 3,00%
Tesla 2,81%
Amazon 1,94%
Square 1,75%
Tencent Holdings 1,64%
LG Chem 1,62%
Taiwan Semiconductor Manufacturing 1,61%
Twilio 1,56%
Paypal 1,52%

A soma das dez principais posições de carteira representa um pouco mais de 21% do total (21,15%). Os dados estão atualizados em 31 de janeiro de 2021.

Qual é a rentabilidade e o risco do BlackRock World Technology Fund A2 EUR?

Depois de analisar sua estratégia e composição de portfólio, cabe pergunta-se sobre os rendimentos oferecidos pelo BlackRock World Technology Fund A2 EUR. Na verdade, não sãonada negligenciveis. O fundo tem sido capaz de oferecer retornos anualizados acima de 30%:

  • Rentabilidade anualizada a 3 anos: 37,11%. O que significa superar a média da sua categoria de fundos em 12,60% e superar o índice de referência em 10%.
  • Rentabilidade anualizada de 5 anos: 35,06%. Deixando para trás a média da categoria de fundos de investimento do setor de tecnologia em 11,18% e o MSCI AC World Information Technology Index em 9,51%.

Nota: dados atualizados em 1º de março de 2021.

No gráfico a seguir, podemos observar o crescimento do fundo em conjunto com as duas variáveis ​​comparativas (média da categoria e índice de referência) nos últimos cinco anos. É possível perceber que ele os ultrapassa na maioria das vezes, além disso, a diferença está se tornando cada vez mais significativa.

BlackRock World Technology Fund A2 EUR

Evolução do BlackRock World Technology Fund A2 EUR em contraste com a média da categoria de fundos de investimento em ações do setor de tecnologia e seu índice de referência (MSCI AC World Information Technology Index).

(Fonte: Morningstar)

Os retornos anuais deste fundo de investimento nos últimos anos têm sido positivos, especialmente em 2020, um ano marcado pela crise de saúde causada pela Covid-19:

Ano Rentabilidade anual (%)
2014 22,84%
2015 15,89%
2016 9,30%
2017 33,66%
2018 4,53%
2019 46,23%
2020 69,64%

Em relação ao risco, não se pode ignorar que se trata de um produto de ações de um setor de alta volatilidade. Especificamente, a Morningstar atribui a este fundo um risco acima da média; apresenta uma volatilidade que chega a 21,90%.

Na escala proposta pela Comissão Nacional do Mercado de Valores, o BlackRock World Technology Fund A2 EUR tem uma pontuação de 6 em 7 (7 sendo o maior grau de risco).

Como já foi explicado, a própria natureza do fundo dá a ele a capacidade de obter retornos elevados, mas também carrega um maior grau de risco.

Recomendações finais

A única recomendação indicada para este fundo de investimento pode não ser adequada para investidores de curto prazo.

Destacamos que o investidor deve ter em mente que a moeda base do BlackRock World Technology Fund A2 EU é o dólar dos Estados Unidos. Uma vez que as partições nesta classe do fundo são compradas e vendidas em euros nesta classe, o desempenho pode ser afetado em resultado da conversão cambial.

Não se pode dizer que o BlackRock World Technology Fund A2 EU seja um fundo sustentável, de acordo com o prospeto. Possui uma classificação de fundos ESG atribuída pelo MSCI de BBB.

 

0

Sobre o autor

Diana Costa

Content Specialist for Rankia Portugal

 

Responder a este tópico

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *