Fundos temáticos: definição e exemplos

fundos temáticos

Cada vez mais as gestoras estão a ter fundos temáticos nas suas ofertas de produtos disponíveis para os investidores. A filosofia dos fundos de investimento temáticos baseia-se na incorporação ao fundo de ativos focados nas principais tendências que impulsionam a economia mundial, como, por exemplo, as grandes mudanças nos campos demográficos, tecnológicos e ambientais, etc.

Fundos temáticos: Características

  • Investem em mais de um setor ou industria, mas sempre relacionados ao tema do fundo.
  • Tendem a investir em empresas em crescimento ou alto crescimento, geralmente com capitalização pequena e média.
  • Eles são mais voláteis e arriscados, mas menos que os fundos do setor. Portanto, eles são destinados a investidores dispostos a assumir riscos.
  • Os investidores que apostam nesses fundos são porque esperam que, no futuro, essa mega tendência cresça e mais do que a média do mercado.

Nem todos as gestoras são especialistas em gerir fundos temáticos. Em seguida, vamos expor alguns dos mais famosos.

Gestoras de fundos temáticos

1. PICTET AM

A Pictet Asset Management é uma gestora de fundos independente, pertencente ao grupo Pictet, fundado em Genebra em 1805. Atualmente, gerencia mais de € 511 biliões com 4.362 funcionários em 27 escritórios espalhados pelo mundo.

Eles têm mais de 20 anos de experiência em investimentos temáticos e foram pioneiros na descoberta do seu potencial. Atualmente, oferece uma ampla gama temática de 14 produtos, abrangendo indústrias de robótica e assistência médica a madeira.

2. NORDEA AM

A Nordea Asset Management faz parte do Nordea Group, o maior grupo de serviços financeiros do norte da Europa, criado em 1848. Atualmente, possui 650 subsidiárias e 10 milhões de clientes.

Esta gestora oferece várias soluções de investimento responsável, com o objetivo de ter um impacto positivo e, ao mesmo tempo, um retorno atraente.

O fundo mais proeminente do fundo é o Nordea Global Climate and Environment Fund. Em 2019, obteve um retorno acumulado de 22,22%.

3. BLACKROCK

A BlackRock é uma gestora global de investimentos presente em todo mundo. Começou em 1988. Emprega mais de 10.100 profissionais e possui escritórios em 27 países ao redor do mundo.

A empresa gere ativamente fundos temáticos e ETFs (iShares). Os cinco megatendências que apostam são: mudança demográfica e social, mudança no poder económico, avanços tecnológicos disruptivos, urbanização rápida e mudança climática e escassez de recursos.

Exemplos de fundos temáticos

Nome do Fundo

ISIN Rentabilidade média 3a Volatilidade Sector em que investe
Polar Capital Global Technology Fund R Income (EUR) IE00B4468526 26,70% 16,42% Setor Tecnologico
Pictet Digital R (EUR) LU0340555134 14,10% 12,66% Setor Tecnologico
Nordea 1- Global Climate and Evironment Fund BP (EUR) LU0348926287 12,54% 12,19% Setor ecológico
Pictet Water R (EUR) LU0104885248 11,19% 10,65% Setor da agua
BlackRock Global Funds – Sustainable Energy Fund A2 (EUR) LU0171289902 10,8% 12,09% Sector Energia Renovável

 

Dados obtidos da Morningstar em 26-2-2020

Se quiser aprender mais sobre Fundos de Investimento, pode fazer download do nosso manual de gratuitamentemanual fundos

 

0

Sobre o autor

Juan Diego Quilez

Gestor do Rankia Portugal

Responder a este tópico

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *