Entrar Criar conta
Acesso
Entrar em Rankia

Bem-vindo à sua comunidade financeira

Informe-se, debata, compartilhe experiências; aprenda sobre como economizar e investir. Faz parte da maior comunidade financeira, já somos mais de 750.000 desde 2003. Você se inscreve?

O que é um fundo de índice? Como funciona, exemplos

Subscrever Newsletter

Selecione os temas que lhe interessa e personalize a sua experiência no Rankia

Enviaremos uma Newsletter cada quinze dias com as novidades de cada categoría que escolheu


Quer receber notificações dos nossos eventos/webinars?


Neste artigo descobrirá o que é um fundo de índice, como funciona e exemplos.

Antes de explicar o que é um fundo de índice, como funciona e os seus exemplos, é necessário conhecer alguns conceitos importantes, como a indexação.

Indexação

A indexação é uma forma de gestão passiva de fundos. Assim, em vez de ter um manager a selecionar ativamente ações para saber quando investir, comprar e vender, o fundo de índice cria uma carteira cujas participações mostram quais as ações num determinado índice.

Por exemplo, um fundo de índice segue o SP500 e investe nas mesmas 500 empresas que compõem este índice.

O que é um fundo de índice?

Os fundos de índice são fundos geridos passivamente, uma vez que os gestores não têm de procurar ativamente estratégias para vencer o mercado e obter retornos, uma vez que a sua gestão se limitará a replicar o índice de referência.

Exemplos de fundos de índice populares

Pode encontrar mais de 100 fundos de índice e ETFs populares em Portugal Na seguinte lista, falaremos sobre alguns dos mais populares e líquidos do mercado:

1. SPDR S&P 500 UCITS ETF: S&P 500 (ETF)
2. Lyxor FTSE MIB UCITS ETF: FTSE MIB (ETF)
3. iShares Nasdaq-100 UCITS ETF: Nasdaq 100 (ETF)
4. Xtrackers DAX UCITS ETF 1c: DAX (ETF)
5. WisdomTree Physical Gold: replicação física (ETC)
6. iShares Core MSCI World: MSCI World (ETF)

Retornos de fundos de índice

A primeira coisa a considerar sobre retornos é que os fundos geridos passivamente não tentam vencer o mercado. A sua estratégia procura replicar o risco e o retorno global do índice. À medida que a duração do investimento aumenta, o custo torna-se uma variável mais importante na definição do desempenho do fundo.

Diferença entre um fundo de índice e um fundo ativo

O tipo de investimento ativo envolve a escolha de ações e o market timing. Ao contrário, se investir num fundo de índice, investirá passivamente. No entanto, uma das vantagens mais importantes dos fundos de índice sobre os fundos ativos são os custos mais baixos.

Os custos de trading são também mais baixos nos fundos indexados. Os fundos passivos negoceiam participações com menos frequência, enquanto os fundos ativos negoceiam com mais frequência, aumentando os custos de gestão e também têm taxas relacionadas com o desempenho.

Investir em fundos de índice: vantagens

Os fundos de índice são uma alternativa aos fundos tradicionais (geridos ativamente) e têm as seguintes vantagens:

  • Comissões mais baixas do que os fundos tradicionais.
  • Retornos mais elevados podem ser alcançados: os índices têm demonstrad31o exceder o retorno médio alcançado pelos gestores de fundos ativos durante muitos anos.
  • São fáceis de negociar.
  • Podem diversificar o portfólio dando acesso a uma variedade de empresas em vários sectores.
  • São relativamente seguros e são considerados uma alternativa mais segura aos investimentos acionários diretos, uma vez que os índices tendem a ser menos voláteis do que os títulos individuais.

Por último, deve estar ciente que nenhum investimento será totalmente seguro, pelo que o melhor é rever as opções que lhe são apresentadas e procurar sempre aconselhamento profissional antes de tomar qualquer decisão de investimento.

Leia também: “Os 5 melhores fundos de índice do mercado”

 

Ler mais tarde - Preencha o formulário para guardar o artigo como PDF
Consent(Obrigatório)

Artigos Relacionados

Deixar uma Resposta

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments