Melhores empresas do PSI 20 para 2019

melhores empresas PSI 20

A bolsa nacional está em destaque. Os bancos voltaram a ter resultados bons, as empresas estão a ter cada vez mais receitas e o investimento aumentou. Neste artigo vamos falar das melhores ações que podemos analisar no PSI20 em 2019.

Millennium BCP

Parece que ao fim de 10 anos o banco vai voltar a remunerar os acionistas. Os lucros parecem estar cada mais sólidos o que permite ter um payout de 10%. O BCP apresentou lucros abaixo das projeções dos analistas ainda assim o CaixaBank BPI destaca a melhoria da qualidade dos ativos e dos níveis de capital.

Neste momento o BCP está a cotar nos 0.2329

F. Ramada

Um dos campeões dos Dividendos. Os lucros cada vez estão melhoras para uma das mais recentes empresas no PSI20. O Dividend Yield já se encontra em valores superiores a 17%.

F. Ramada Investimentos SGPS registou um ROE de 9,9%. Uma maneira facil de explicar o que significa o ROE, para cada € 1 do capital dos acionistas, a empresa obteve um lucro de € 0,099.

Neste momento a empresa está a cotar nos 7.75, após ter registado uma correção dos máximos. Esta correção, para os analistas, é benéfica para entradas

REN

Esta empresa é das melhores do mundo para quem é mais averso ao risco. Sempre com um rendimento em dividendos próximos dos 7%.

É uma das ações favoritas de um fundo de pensões Norueguês devido à pouca volatilidade desta ação.

Sonae Capital

Uma das top dividend yield do PSI20. Com investimentos bem diversificados como Ginásios, Resorts, Hoteis, Investimentos em energia, entre outros.

O rendimento em dividendo superior a 6% fazem da Sonae Capital das melhores ações do PSI20

EDP

A gigante elétrica nacional disputa a liderança com a Galp a maior empresa do PSI20.

Saiu a notícia depois do interesse demonstrado pelos fundos de Paul Elliot Singer, também o York Capital Management tem a EDP na mira. O o fundo reuniu-se em Lisboa com os responsáveis da elétrica e poderá até já ter entrado no capital. O fundo norte-americano sediado em Nova Iorque gere “hedge funds”, tendo cerca de 20 mil milhões de dólares em ativos sob a sua gestão.

Galp

Galp volta a aumentar dividendo e entrega 74% dos lucros aos acionistasA petrolífera propõe um aumento de 15% no dividendo, o que representa o pagamento aos acionistas de mais de 500 milhões de euros referentes as lucros de 2018.

No ano passado a petrolífera liderada por Carlos Gomes da Silva tinha aumentado a remuneração aos acionistas em 10% para 55 cêntimos por ação. Este dividendo tinha sido anunciado em fevereiro, quando atualizou o seu plano de investimentos até 2020, sendo que na altura foi indicado que o valor de 55 cêntimos por ação seria a referência para o futuro.

 

Sobre o autor

Henrique Garcia
Analista de Mercados