Mobile banking: O que é?

O setor financeiro está a modernizar-se e a entrar no mundo 2.0. Após o sucesso do banco online, surge um novo conceito para o mundo bancário: o mobile banking. Na próxima postagem, descobriremos as diferenças entre o banco on-line e o banco móvel , bem como as principais entidades que oferecem cada serviço.

O que é o online banking e mobile banking?

As principais instituições financeiras do mercado nacional têm os seus produtos adaptados tanto ao banco online no PC como no samartphone, influenciados pelo desejo dos consumidores de gerir o seu dinheiro pela internet , sem ter que ir às agências. Por outro lado, nos últimos tempos, existem entidades que funcionam 100% online e outras através do smartphone.  Como é um sistema um pouco heterogéneo, dedicaremos algum tempo para entender bem o funcionamento de cada um.

Bancos físicos com presença online

Referimo-nos aos bancos convencionais, que estão no setor bancário há anos e recentemente desenvolveram um site ou uma APP para trabalhar através da Internet. Neste grupo estão os líderes do mercado bancário em número de clientes: Millennium BCP, Banco Santander Totta, BPI ou o Novo Banco.

100% banco online

Entendemos por banco online o acesso às nossas informações bancárias e aos produtos que queremos contratar por meio do portal da web do banco. Podemos consultar o saldo e o movimento de nossa conta através do home banking. A diferença com os anteriores é que os seus produtos podem ser contratados apenas pela internet. A vantagem em relação à anterior é que eles geralmente oferecem retornos mais altos do que os bancos com agências físicas e exigem menos requisitos para evitar cobrar comissões. O mais conhecido é o Activo Bank.

Mobile banking

O mobile banking ou APP, por sua vez, realiza as mesmas funções do home banking no pc, mas através de uma aplicação instalada no nosso smartphoneEste é o grupo menos desenvolvido, mas com a maior percentagem de crescimento. Os últimos barómetros da MasterCard indicam que 21,70% dos portugueses pagam as suas compras através da app do homebanking e continuam a aumentar. O seu mercado alvo é a geração do millenials, aqueles utilizadores que nasceram com a Internet, a usar telefones para tudo no dia a dia, eles não precisam de ir às agências para resolver as suas situações e quer para aproveitar as ofertas e descontos que apresenta mobile banking.

Diferenças entre homebanking e mobile banking

Mobile banking é mais rapido de usar e mais personalizável. A app permite que controle as suas despesas instantaneamente, defina metas para poupar e só precisa de uma conexão com a Internet.

Já é possível fazer pagamentos pelo telemóvel no supermercado, por exemplo. O Millennium bcp uniu-se à chinesa Alipay, do grupo Alibaba, para lançar em Portugal a sua plataforma de pagamentos e servir o crescente número de turistas chineses em Portugal.

 

O futuro do setor bancário parece incerto. Vemos uma redução no número de agências no país e as entidades bancárias estão a fazer investimentos crescentes no desenvolvimento de seu portal em serviços bancários online. Esse novo modelo de negócios permite que os consumidores tenham controlo do seu dinheiro em todos os momentos, de forma conveniente e rápida, através da Internet, enquanto os bancos economizam em custos de pessoal. O mobile banking, longe de ser um instrumento para os mais jovens, serve para levar o resto das gerações ao mundo virtual.

Sobre o autor

António Fernandes