Revolut oferece dois dias pagos aos colaboradores como reconhecimento pelo seu trabalho em ano de pandemia - Rankia Portugal
Entrar Criar conta
Acesso
Entrar em Rankia

Bem-vindo à sua comunidade financeira

Informe-se, debata, compartilhe experiências; aprenda sobre como economizar e investir. Faz parte da maior comunidade financeira, já somos mais de 750.000 desde 2003. Você se inscreve?

Revolut oferece dois dias pagos aos colaboradores como reconhecimento pelo seu trabalho em ano de pandemia

Subscrever Agora

Selecione os temas que lhe interessa e personalize a sua experiência no Rankia

Enviaremos uma Newsletter cada quinze dias com as novidades de cada categoría que escolheu


Quer receber notificações dos nossos eventos/webinars?


Revolut

A Revolut, a plataforma financeira global com mais de 15 milhões de clientes em todo o mundo e mais de 500 mil em Portugal, vai oferecer aos mais de 2.200 funcionários dois dias adicionais de férias, pagos pela empresa, como um reconhecimento pelo seu trabalho árduo durante o último ano. A empresa permitirá assim que todos os colaboradores tirem estes dias para si ou para se reconectarem com familiares ou amigos, caso seja possível.

Os dias adicionais podem ser usados por todas as pessoas, incluindo aquelas que estão no seu período de aviso prévio ou no período experimental, devendo usufruir dos mesmos até 30 de Novembro de 2021.

Os “Wellbeing Days” ou Dias de Bem-Estar” fazem parte de um projeto alargado focado no objetivo da Revolut de criar o melhor ambiente laboral para a sua força de trabalho global.

Nik Storonsky, CEO da Revolut , disse:

“Os nossos colaboradores são o que fazem a nossa empresa destacar-se. São os drivers do nosso sucesso, e estamos sempre à procura de formas de reconhecer o seu trabalho e a dedicação que revelam diariamente. Todas as organizações passaram por um ano muito desafiante mas as nossas equipas adaptaram-se muito bem ao trabalho remoto, atingindo os objetivos e criando produtos fantásticos que continuam a facilitar a vida dos nossos clientes. É crucial parar para recarregar e usufruir de tempo de descanso, eu próprio vou usar estes dias para isso mesmo”.

Já este ano, a Revolut confirmou a sua intenção de iniciar uma mudança para o trabalho flexível – uma política suportada por uma nova estratégia aplicada aos seus escritórios, transformando-os em RevLabs. Todos os espaços da Revolut estão a ser redesenhados tendo flexibilidade e colaboração em mente. Em resposta às preferências claras dos colaboradores, a Revolut permitirá aos seus funcionários escolher quando e com que frequência querem trabalhar a partir de casa ou deslocar-se ao escritório.

Mais recentemente, a empresa anunciou também que vai passar a permitir aos colaboradores trabalhar a partir do estrangeiro até 60 dias por ano. Este é mais um passo no compromisso da Revolut com a promoção do trabalho flexível. A nova política de trabalho temporário no estrangeiro foi lançada para acomodar as necessidades da força de trabalho maioritariamente internacional da Revolut, com os colaboradores a desejar a possibilidade de visitar familiares ou os seus países de origem com maior frequência ou durante períodos mais longos. À medida que a Revolut abraça a diversidade cultural do seu staff, a fintech permite também, por isso, que os funcionários passem tempo de qualidade além fronteiras.

A empresa lançou ainda, esta semana, o Revoloot – um programa interno de reconhecimento, desenhado para celebrar e premiar marcos da vida pessoal e profissional dos colaboradores.

Estas iniciativas integram um corpo de trabalho global focado em fazer evoluir a cultura e o engagement na Revolut. Liderado por Jim MacDougall, vice presidente da área de People , os diferentes projetos, focados em múltiplas áreas do negócio, terão um impacto diário nos colaboradores, como reconhecimento, Learning & Development e diversidade e inclusão.

Artigos Relacionados

De que lhe serve ter um cartão de crédito se não tem intenção de o usar? É um pouco contraditório, mas pode ser uma realidade. Então, o que acontece se eu não usar o meu cartão de crédito? Este artigo preten...

Deixar uma Resposta

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments