Trader: o que é e quais os tipos de atuação - Rankia Portugal
Entrar Criar conta
Acesso
Entrar em Rankia

Bem-vindo à sua comunidade financeira

Informe-se, debata, compartilhe experiências; aprenda sobre como economizar e investir. Faz parte da maior comunidade financeira, já somos mais de 750.000 desde 2003. Você se inscreve?

Trader: o que é e quais os tipos de atuação

Subscrever Newsletter

Selecione os temas que lhe interessa e personalize a sua experiência no Rankia

Enviaremos uma Newsletter cada quinze dias com as novidades de cada categoría que escolheu


Quer receber notificações dos nossos eventos/webinars?


Está a dar os primeiros passos no mundo dos investimentos e não tem bem a certeza por onde começar? Ou agora sentiu ser chegada a altura de procurar outras modalidades de investimento? Então, este artigo é para si. Vamos dar-lhe a conhecer o que é um trader e quais as suas áreas de atuação, informação imprescindível a quem quer investir.

trader

O que é Trader?

A primeira questão que nos surge é, indubitavelmente, qual o significado de trader. Derivado do inglês ‘trade’, que numa tradução literal significa comércio ou negócio, trader é, então, aquele que faz negócios. No mercado financeiro, o termo trader diz respeito a uma pessoa que realiza transações na Bolsa, num curto espaço de tempo, dedicando-se diariamente a essa tarefa.

Esta é a principal diferença do trader para os demais investidores: o modus operandi é de curtíssimo prazo. Regra geral, um ativo é comprado e novamente vendido por um trader num intervalo de poucas horas ou mesmo minutos, se bem que algumas negociações poderão estender-se até algumas semanas. O que irá determinar o prazo da negociação são as tendências do mercado.

Como ocorrem estas operações? De um modo bastante fácil: o trader avalia uma determinada ação, ação essa que alcançará um novo patamar, pelo que este percebe que existe a possibilidade do seu valor aumentar. Dada essa avaliação, o trader compra o ativo e quando este atingir o valor previsto, vende-o. Ou seja, o trader vende a ação que anteriormente comprou por um valor mais alto do que aquele que investiu.

Ler também: “O que é o Trading e como funciona?”

Diferentes traders

E porque existem diferentes personalidades existem, igualmente, diferentes traders. Vejamos, agora, em que perfil se enquadra.

  • Trader Institucional: trata-se de uma pessoa vinculada a agências financeiras, de fundos de investimentos e seguradoras. Por isso, é institucional pois tem que agir em consonância com as estratégias de quem representa.
  • Trader Executor (ou Broker): não toma decisões de investimento, apenas realiza compras e vendas relativas às negociações dos traders
  • Sales Traders: este é um trader que media as negociações, dando a conhecer aos seus clientes as melhores estratégias, colocando-as em prática mediante o consentimento dos seus clientes.
  • Trader Autónomo: neste caso, o trader pode ser profissional ou não, e a sua principal característica prende-se com o facto de realizar transações com os seus recursos pessoais e seguindo as suas próprias estratégias.

Traders: os diferentes estilos operacionais

Da mesma forma que existem diferentes traders, existem igualmente diferentes prazos para a duração das negociações. Analisemos as mesmas.

  • Day Trader: é aquele que realiza as operações em Bolsa, ocorrendo a compra e a venda no próprio dia
  • Scalper Trader: este trader procura oportunidades de prazo muito curto, observando as tendências do mercado. Uma vez que estas oscilam muito rapidamente, estas transações têm lugar em poucos minutos.
  • Swing Trader: estes operam com prazos entre um dia a duas semanas, mantendo em sua posse as ações durante esse período, correspondendo a uma estratégia que tem em conta a análise das tendências de curto prazo
  • Position Trader: a atenção do position trader centra-se em manter uma determinada posição por semanas ou até mesmo anos. Isso acontece porque este profissional trabalha com um conjunto de dados, análises e demais informações que não permitem concretizar as transações de imediato.
  • High Frequency Trading: este trader faz exatamente o oposto do position trader, realizando operações no imediato, num intervalo de apenas alguns segundos. Importa salientar que nos referimos a movimentação de grandes volumes de ativos que se centram nas menores variações do mercado

Todos podemos ser traders?

Respondendo à questão lançada… sim, qualquer pessoa pode ser um trader, independentemente da sua idade, sexo e até finanças. No entanto, há algumas condições que poderão garantir um maior sucesso das operações.

  • Controlo financeiro pessoal: ser capaz de planear o seu orçamento e colocar algum dinheiro de lado para não perder oportunidades de investimento, sem nunca prejudicar o seu orçamento familiar.
  • Conhecimento sobre o mercado financeiro: este conhecimento é fulcral para conseguir boas negociações.
  • Controlo emocional: não ceda ao impulso nem reaja com medo do mercado.
  • Informação: acompanhe constantemente os fatores que influenciam a Bolsa.

Trader e Broker são a mesma coisa?

Uma das perguntas que a maioria das pessoas faz é se Trader e Broker são a mesma coisa. Embora as suas funções possam ser desempenhadas em algum momento, elas não são a mesma coisa e têm atividades diferenciadas.

Uma corretora é uma empresa ou entidade financeira que realiza operações para seus clientes, oferecendo uma intermediação na execução de ordens de compra e venda e é quem tem acesso ao mercado de capitais ou forex para poder investir. Ele não se importa se o cliente ganha ou perde, ele apenas executa ordens. Dessa forma, ele recebe comissões e também é chamado corretor da bolsa ou forex.

Para participar de qualquer mercado financeiro, devemos fazê-lo através de um corretor, uma vez que  são os únicos licenciados para operar nos mercados.

Dessa forma, para fazer a compra no mercado cambial, o  trader determina quais são as ações que deseja comprar ou vender e informa a corretora para realizar essa operação. Quando o  corretor  aceita, ele faz a operação no mercado e o movimento é efetivado.

Com todas as opções acima, podemos nos sentir importantes se operarmos no mercado Forex e tomarmos as nossas próprias decisões de investimento, seremos um negociador cambista.

 

Manual de Bolsa

Ler mais tarde - Preencha o formulário para guardar o artigo como PDF
Consent(Obrigatório)

Artigos Relacionados

Fazer trading é uma actividade complexa que é acompanhada por uma aprendizagem contínua, uma vez que envolve uma constante tomada de decisões. Desta vez, vamos analisar como negociar na XTB, um dos melhores ...

Deixar uma Resposta

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments