XTB: Market update de 8 de Março de 2018

Por Carla Santos, gestora da corretora XTB

Outlook

Os CTT apresentaram ontem resultados abaixo do esperado levando o título a abrir em baixa. Neste momento, a ação negoceia na linha de água ajudada pela notícia do aumento de dividendos e fazendo com que não atinja os mínimos dos três euros. É agora a vez da Altri, que apresentará resultados, hoje, depois de o mercado fechar.

Hoje, realiza-se o discurso do BCE, não havendo expetativa para alteração das taxas de juro, vai-se tentar perceber se as políticas monetárias se vão manter ou se vai haver uma redução da compra de ativos. Este será o evento que marcará o dia e que ditará a tendência do índice alemão Dax30. 
 
O gás natural continua a negociar em alta com o aumento da utilização da matéria-prima para aquecimento na altura de inverno e depois de tocar no suporte diário. Hoje são divulgados os stocks deste ativo e se saírem abaixo do esperado poderemos continuar a assistir à valorização do mesmo.

Ações

Rolls Royce (RR.UK) – os lucros e reservas de capital da fabricante britânica registaram valores acima do esperado, apesar de problemas relacionados com o motor a jacto Trent 1000, cujo processo de reparação tem vindo a subir o ano passado e atingirá o pico este ano para cerca de 170 milhões de libras. Warren East, o diretor executivo da Rolls Royce, afirmou que para 2019 este valor deverá reduzir-se em 100 milhões de libras para 2019 e gradualmente nos anos seguintes, o que tem proporcionado uma perspetiva de consolidação do título em bolsa. Desta forma, são oportunas entradas compradoras, aproveitando o impulso ascendente gerado pela publicação de resultados até às 10 libras/ação.

 
Aviva (AV.UK) – a companhia de seguros anunciou um aumento de dividendo, melhorando o retorno distribuído aos acionistas em cerca de 20%. Sob o lema “Simpler,Stronger” acreditam numa nova estratégia para captar o interesse dos investidores.

Análise Técnica

Matérias-primas – GOLD

O dólar recuperou esta quarta feira com os bons dados dos ADP – dados do mercado laboral do setor privado, eliminou parte dos ganhos do dia anterior e voltou a trazer o ouro para a zona da neckline do cup and handle, para além do facto de representar um doji em semanal a um dia do fecho. Este tipo de formação é normal se considerarmos os eventos de risco de quinta e sexta. BCE e NFP, ambos terão impacto sobre o dólar e considerando a correlação do ouro com a divisa norte americana, é obviamente um dos ativos a monitorizar. Juntamos algumas zonas de interesse no gráfico que poderão dar bons sinais para entradas.

GOLDs.H4 (3).png

Índices – RUS50 em rejeição da resistência

O índice russo voltou a testar a resistência da triangulação ascendente, tendo revertido fortemente em baixa dando fortes sinais da volatilidade vendedora que se fez sentir. O mercado está com fortes volumes vendedores numa altura em que a parte compradora hesita em entrar no mercado. A pinbar de inversão baixista concutida na resistência poderá continuar a atrair posições vendedoras, levando de novo o ativo ao teste ao suporte ascendente. Assim, entradas vendedoras em RUS50 com TP no suporte e SL na ponta da pinbar permitem aproveitar a pressão vendedora que se faz sentir.

RUS50_09_14 08_03.png

Forex – GBPJPY D1 – Novos mínimos à vista

Desde os topos feitos na semana passada, que vemos a GBP a perder força frente a todas as suas contra-partes, devido às notícias que têm saído sobre o Brexit. Contra o JPY, a GBP quebrou em baixa uma grande zona de suporte, o nível os 147.80, que com o re-teste que fez, mostra agora potencial para desenhar um novo mínimo. Assim, a ideia será vender GBPJPY com stop nos 148.20 e take profit nos 145.20.

gbpjpy.jpg

Departamento de Research XTB
Declaração de Risco
A X-Trade Brokers Dom Maklerski S.A. não se responsabiliza por decisões de investimento que se baseiem em informações contidas nesta newsletter. Nenhuma da informação aqui contida deverá ser entendida como recomendação de investimento, garantia de lucro ou de risco significativamente menor. Os investimentos baseados no uso de produtos derivados com alavancagem financeira são, por natureza, especulativos e poderão resultar tanto em lucros como perdas significativas, as quais poderão superar os montantes inicialmente depositados.

Sobre o autor

Rankia