Análise da Schroders

Análises da Schroders

Vamos fazer uma análise da Schroders, uma das gestoras mais antigas, respeitáveis e poderosas do mundo financeiro no activo desde o início do século XIX. A gestora, presente em quatro continentes, com filiais espalhadas em vários países, mantém o nome da sua família fundadora e é um dos ícones do mercado financeiro internacional. A sua reputação precede-a.

Análise da Schroders: Quem é Schroders?

A origem da Schroders remonta ao início do século XIX, mais especificamente ao ano de 1804, quando Johann Heinrich Schroder e o irmão, Johann Friedrich Schroder, se juntaram profissionalmente em Londres. No entanto, só 14 anos depois é que os dois fundariam a J. Henry Schroder & Co., que seria o embrião da gestora como hoje a conhecemos.

A partir daí, a empresa foi crescendo e estabelecendo-se de forma sólida, atuando tanto no mercado britânico como no norte-americano. A sua presença foi fundamental para a economia do outro lado do Atlântico durante a guerra civil americana, por exemplo, com a emissão de cerca de 3 milhões de libras em títulos, ou com a criação de um banco comercial em Nova Iorque, em 1923.

Atualmente, a gestora Schroders é uma multinacional extremamente poderosa, que tem nos seus quadros mais de 5 mil pessoas, estando presente nos quatro continentes com filiais estabelecidas em vários países, incluindo Portugal. A sua missão desenvolve-se exclusivamente na gestão de ativos, garantindo um foco total no investimento, com uma ótica de trabalho tão profissional quanto empresarial.

Milhares de clientes procuram a Schroders para investir e gerir os seus ativos. Só no ano de 2020, a gestora movimento mais de 500 mil milhões, uma verba recorde na carteira de ativos da Schroders. Os seus investimentos são diversificados, multiplicando-se pelos vários tipos de mercado do sector financeiro e diferentes tipos de ativos. Isso permite-lhes jogar em várias frentes, aumentando os rendimentos, maximizando o lucro e mitigando as perdas.

Análise da Schroders: Características

A Schroders disponibiliza várias opções de investimento, com diferentes características. Em comum, dois objetivos: faze-lo de Form cada vez mais sustentável, de firma a gerar um retorno igual ao impacto na sociedade; e a de garantir a maximização dos investimentos, com grande foco empresarial e personalizado.

A Schroders tem direcionado cada vez mais o seu capital para os investimentos sustentáveis, garantindo assim um modelo de negócio mais resiliente e melhor posicionado, ao mesmo tempo que cria um impacto positivo na sociedade em que vivemos. Em plena crise climática, é fundamental adotar comportamentos verdes e diminuir a pegada carbónica em tudo o que fazemos, incluindo nos investimentos financeiros.

Assim, a Schroders compromete-se a contribuir para as soluções que procuram resolver desafios prementes ao nosso futuro a curto prazo, nomeadamente no que diz respeito às Alterações Climáticas, a Inclusão Social, a Saúde e o Bem-Estar, assim como o consumo responsável. São características importantes e fundamentais para uma gestão empresarial consciente, responsável e sensata.

Numa empresa que cresceu e se expandiu com o consumo energético na base, não deixa de ser curioso que um dos seus objetivos atuais seja a poupança energética e a redução carbónica. Mas isso mostra como a Schroders está em sintonia com o que se passa na sociedade, adaptando o seu modelo de negócio às novas estratégias, para se manter a par das tendências atuais e antecipar o que se passa nos mercados financeiros.

Análise da Schroders: Fundos de Investimento

Sendo uma gestora de ativos, é nos fundos de investimento que a Schroders encontra as suas principais ferramentas de trabalho. São várias as vantagens nesse tipo de investimento, começando desde logo pela possibilidade de aceder a ativos que podem estar apenas representados em bolsas de países estrangeiros.

Um fundo internacional permite diversificar a carteira de ativos, aumentando as probabilidades de maximizar o investimento e de mitigar as perdas. Essa redução de risco está também relacionada com a baixa correlação que existe entre os fundos e os ativos locais e com o facto dos mercados globais serem mais estáveis do que os locais.

Na Schroders tem a ainda a possibilidade de investir em fundos de ações, que gerem ativos de empresas de qualidade, mais confiáveis e mais estáveis, que garantem um foco maior na rentabilidade. Este fundo é gerido por uma vasta equipa de profissionais altamente especializados, localizamos em diferentes cidades mundiais para estarem mais perto das principais bolsas de valores, gerindo um investimento total de quase 50 mil milhões de dólares.

Este tipo de fundos da Schroders é, normalmente, a médio e longo prazo, num mínimo de 4 anos e num máximo de 15. É, assim, uma óptima ferramenta para investimento, tanto para investidores profissionais como para quem está a dar os primeiros passos neste universo.

Comissões

Como é óbvio, a Schroders cobra comissões sobre o resultado líquido dos seus investimentos. Contudo, quando esse valor regressa às mãos do cliente, já tem esse valor calculado e deduzido, o que significa que não tem que se preocupar com nada.

Além das comissões, o investidor deve ter sempre em conta que possíveis variações de câmbio podem levar a diferenças de valor de um investimento numa moeda estrangeira. Além disso, podem aparecer ligeiras diferentes de desempenho entre o fundo e o índice, uma vez que o seu valor é calculado numa altura diferente daquela em que é calculado o valor do fundo.

Do ponto de vista do investidor, uma das grandes vantagens de trabalhar com a gestora Schroders, além da sua longa experiência no mercado, é o baixo valor em comissões. Este é extremamente otimizado, o que garante ao investidor uma melhor experiência, já que não paga comissões de desempenho ou comissões de saída, por exemplo. Contudo, algumas especificidades alteram-se consoante o fundo investido. Para isso, deve sempre calcular toda a informação referente e consultar ajuda especializada antes de proceder a qualquer operação financeira.

Sobre o autor

Henrique Garcia

Analista de Mercados

Responder a este tópico

Bem-vindo(a) à comunidade!

Selecione os temas que lhe interessa e personalize a sua experiência no Rankia

Enviaremos uma Newsletter cada quinze dias com as novidades de cada categoría que escolheu


Quer receber notificações dos nossos eventos/webinars?


Ao continuar, aceita a política de privacidade