ETF de Ethereum: O que é e como comprar?

Subscrever Newsletter

Selecione os temas de seu interesse e assine nossa newsletter abaixo:

Subscription Type(Obrigatório)

No dia 23 de maio de 2024, os investidores em criptomoedas receberam uma notícia significativa: a aprovação dos primeiros ETFs de Ethereum, representando uma nova oportunidade para investir em criptomoedas alternativas, além do Bitcoin.

ETF de Ethereum

Neste artigo explicaremos o que são os ETFs de Ethereum, como comprá-los, que consequências podem trazer ao mercado, e como comprá-los desde Portugal.

Este artigo é meramente informativo e educacional. As informações fornecidas aqui não podem ser consideradas como aconselhamento financeiro ou recomendação de compra / venda.

O que é o ETF de Ethereum?

Os ETFs de Ethereum (ou seja, os Fundos Negociados em Bolsa de Ethereum) são um produto financeiro que dá a possibilidade aos investidores de investir em Ethereum sem a necessidade de comprar diretamente a criptomoeda. Estes fundos possuem o Ethereum, do qual replicam o preço.

Desta forma, os ETFs de Ethereum, possuem o Ether -o verdadeiro nome da criptomoeda da blockchain Ethereum-, do qual replicam o preço. Ou dito de outra forma, geralmente compram e mantêm Ethereum (ETH) como ativo subjacente e aos investidores que compram contratos do ETF, é oferecida uma participação proporcional no valor do fundo.

O que trazem os ETFs de Ethereum em comparação com o ativo real?

O motivo pelo qual os ETFs de Ethereum são interessantes é que estes estão regulados: desta forma, permitem que as grandes entidades, que possuem um grande capital mas só podem ter em carteira produtos regulados, invistam na criptomoeda de forma indireta (mas obtendo o mesmo resultado no investimento que ao fazê-lo diretamente).

ethereum

Portanto, o facto de que um ETF de uma criptomoeda seja aprovado, possibilita que haja grandes entradas de novo capital investido na criptomoeda; o facto por si só não confirma a 100% que isto vá acontecer, mas sim faz com que exista uma nova oportunidade de entrada de capital para o qual o investimento em criptomoedas era inacessível previamente.

Desta forma, os investidores conseguem estar expostos a uma das criptomoedas rainhas – concretamente a segunda -, mas através da regulação e transparência que oferecem gestoras de fundos como BlackRock ou VanEck.

Tipos de ETFs de Ethereum

Em essência, existem dois tipos de ETFs de Ethereum:

  • ETFs “Spot”: os ETFs a Spot compram e armazenam Ethereum real; o valor do ETF está, logicamente, diretamente ligado ao preço atual de Ethereum no mercado spot. Este tipo de ETFs são os que acabam de ser aprovados nos Estados Unidos.
  • ETFs de derivados: estes ETFs procuram replicar o movimento de preço do Ethereum utilizando diversos instrumentos financeiros, incluindo os contratos de futuros de Ethereum entre outros. Este tipo de ETFs puderam ser aprovados previamente, principalmente dado que são compostos de diversos ativos financeiros com os quais se procura a réplica do preço de ETH (devemos indicar aqui que a regulação é mais branda com ETFs que não investem num único ativo), e também porque não requerem a custódia real de Ethereum: aos olhos de alguns investidores, sobretudo institucionais, ter que armazenar o Ethereum complica as coisas mais do que o facto de utilizar outros ativos financeiros, mais fáceis de armazenar, para replicar o preço de ETH.

👉 Para mais informações sobre o que é Ether, e a sua rede blockchain, deixo-te com o seguinte artigo: Como comprar Ethereum desde Portugal?

A notícia: Quando foram aprovados os 8 primeiros ETFs de Ethereum à vista pela SEC?

A aprovação dos ETFs ao contado de Ethereum por parte da SEC, foi oficialmente anunciada a 23 de maio de 2024; com isto, os ETFs de Ethereum a spot já passaram a ser possíveis. No entanto, esses ETFs não começaram a cotar de imediato devido a vários requisitos regulatórios e administrativos que devem ser cumpridos antes do seu lançamento no mercado:

  • Registro S-1: Os emissores de ETFs devem apresentar e obter a aprovação de um formulário S-1 junto da SEC. Este formulário é o registo inicial que fornece informações detalhadas sobre o ETF (estratégia de investimento, riscos associados, estrutura do fundo…). A revisão do S-1 pode ser um processo que se prolongue no tempo, já que a SEC pode solicitar modificações ou informações adicionais antes de conceder a aprovação final​​.
  • Acordos de cotação: Os emissores dos ETFs também devem estabelecer acordos com as bolsas onde estes serão cotados (NYSE, Nasdaq e CBOE). Estes acordos asseguram que os ETFs cumprirão com as normas da bolsa e poderão cotar de forma adequada.
  • Conformidade regulatória adicional: Além do registo S-1, os emissores devem assegurar-se de que cumprem com todas as outras regulamentações aplicáveis estabelecidas pela SEC, que podem incluir controlos adicionais de transparência e divulgação, a implementação de medidas para evitar a manipulação do mercado, etc., e que têm como objetivo proteger os investidores.
  • Preparação interna do emissor: Os emissores devem completar os seus próprios preparativos internos antes do lançamento. Isto pode incluir a finalização de acordos de custódia, a configuração dos processos operacionais, a formação do pessoal para lidar com as operações do ETF…
  • Marketing e divulgação: Antes do lançamento, os emissores costumam realizar atividades de marketing para informar os potenciais investidores sobre o novo ETF (já que, sem liquidez de investidores, o produto desapareceria), através de comunicados de imprensa, apresentações a investidores, ou outras atividades de marketing para gerar interesse no novo produto.

Após finalizar todos os preparativos, então sim, os ETFs passarão a ser oficialmente cotados em bolsa e, portanto, poderão finalmente ser adquiridos pelos investidores.

Quais são os 8 ETFs spot de Ethereum aprovados pela SEC?

A lista dos 8 ETFs spot de Ethereum aprovados pela SEC, foi divulgada no passado dia 23 de maio de 2024, e é a seguinte:

  • Grayscale Ethereum Trust
  • iShares Ethereum Trust
  • Invesco Galaxy Ethereum ETF
  • Fidelity Ethereum Fund
  • VanEck Ethereum Trust
  • Franklin Ethereum ETF
  • Bitwise Ethereum ETF
  • ARK/21 Shares Ethereum ETF

Deixo-te logo abaixo uma imagem onde poderás vê-los com o seu ticker e gestora a que pertencem.

8 ETFs da EThereum

👉 E bem, já que temos estado a falar dos ETFs de Ether, junto o seguinte artigo dos seus irmãos mais velhos com tudo o que deverias saber: ETFs de Bitcoin – O que são e onde comprá-los?

Onde cotam os ETFs sobre Ethereum?

Os ETFs de Ethereum cotam na NYSE (New York Stock Exchange), na NASDAQ, e na Chicago Board Options Exchange (CBOE); estas são bolsas norte-americanas, e portanto estes ETFs Spot estarão, então, disponíveis para os investidores dos Estados Unidos exclusivamente, pelo menos por enquanto.

Como comprar ETFs de Ethereum desde Portugal (ou desde a Europa)?

Desde a Europa, e portanto também desde Portugal, não é possível adquirir ETFs que não cumpram com a regulação UCITS; esta regulação impede que um fundo invista num único valor, pelo que o ETF de spot físico de uma única criptomoeda não pode estar disponível atualmente na Europa.

No entanto, existem outros tipos de ETFs que não têm Ethereum fisicamente, mas que são formados por derivados financeiros, como contratos de futuros entre outros, e que replicam também o preço de Ethereum; os chamados ETPs (Exchange Traded Products), dos quais falaremos na secção seguinte.

Sobre ETPs, ETNs e ETCs

Um ETP (“Exchange Traded Product”, ou seja, Produto Cotado em Bolsa), é um instrumento financeiro que se negocia numa bolsa de valores -da mesma forma que uma ação de uma empresa- e que replica o movimento do preço do ativo subjacente que segue (seja um índice, uma matéria-prima ou uma criptomoeda).

Existem ETPs de três tipos, conforme os ativos que os compõem:

  • Os ETPs de fundos cotados em bolsa (ETFs)
  • Os ETPs de notas negociáveis em bolsa (ETNs)
  • Os ETPs de matérias-primas ou commodities (ETCs).

👉 Para mais informações sobre isto, deixo-te com o nosso próximo artigo: Diferença entre ETFs, ETCs e ETNs

Portanto, um ETP de Ethereum é um Produto Cotado em Bolsa que segue o preço do Ethereum, não através da compra real de ETH (a criptomoeda), mas através do seu alavancamento em derivados financeiros. Neste segundo caso, estaríamos a falar concretamente de ETNs de Ethereum.

Como comprar Ethereum desde a Europa através de produtos cotados? | ETPs de Ethereum

Para comprar Ethereum através de produtos cotados e de forma segura desde Portugal, devemos criar uma conta numa corretora bem regulada, que tenha acesso àquelas bolsas (Euronext, Xetra, etc.) nas quais estejam cotados pelo menos um dos 6 ETPs de Ethereum disponíveis na Europa:

  • VanEck Ethereum ETN
    • TER: 1%
    • Rentabilidade 1 ano: 62,71%
    • Volatilidade 1 ano: 50,30%
  • WisdomTree Physical Ethereum
    • TER: 0,35%
    • Rentabilidade 1 ano: 64,20%
    • Volatilidade 1 ano: 50,11%
  • 21Shares Ethereum ETP
    • TER: 0,21%
    • Rentabilidade 1 ano: 62,01%
    • Volatilidade 1 ano: 50,79%
  • Global X Ethereum ETP
    • TER: 0,65%
    • Rentabilidade 1 ano: 62,60%
    • Volatilidade 1 ano: 49,58%
  • ETC Group Physical Ethereum
    • TER: 1,49%
    • Rentabilidade 1 ano: 63,80%
    • Volatilidade 1 ano: 49,80%
Grande seleção
]Ações, ETFs e opções de ações
Variedade de produtos
e baixas comissões

Este artigo é meramente informativo e educacional. As informações fornecidas aqui não podem ser consideradas como aconselhamento financeiro ou recomendação de compra / venda.

A alternativa clássica: comprar Ether real

Apesar de que este artigo versa sobre os ETFs de Ethereum, estes fazem a diferença para grandes investidores institucionais; os investidores particulares, talvez continuem a preferir adquirir diretamente Ether, a criptomoeda de Ethereum, sem necessidade de um instrumento financeiro pelo meio.

Precisamente por isso, vamos ver duas alternativas:

Bit2Me

Para isso, a comunidade de língua portuguesa conta com a Bit2Me, uma excelente exchange, criada e regulada em Espanha, e que oferece um excelente e próximo atendimento ao cliente em português tanto por telefone como por escrito.

Ethereum Bit2Me

E é que alguns temem que, dadas as grandes aquisições de Ether por parte dos institucionais (além de pela sua nova natureza deflacionária após a sua atualização “Ethereum 2.0”), em algum momento no futuro a liquidez de Ether seja limitada ou praticamente nula, pelo que talvez queiram adquirir a criptomoeda de Ethereum e conservá-la, como um bem talvez muito mais precioso no futuro do que na atualidade.

Por isso, deixamos aqui mais informações sobre a Bit2Me, um intermediário onde poderás comprar Ether, ao mesmo tempo que o teu dinheiro não investido está 100% assegurado e depositado num banco regulado pelo Banco de Espanha.

  • 🏆 Regulação: Banco de Espanha e Prevenção de Branqueamento de Capitais e Prevenção no Financiamento do Terrorismo.
  • 🔒 Fundo de garantia: 100% dos fundos dos seus clientes.
  • 💼 Ativos financeiros: +290 criptomoedas
  • 💲Comissões Pro: Em média 0,3% da operação

👉 Para mais informações, acerca do mesmo deixo-te com a sua review: Bit2Me opiniões – Comissões, wallet, Pro, Earn e review

Uma alternativa diversificada: 21Shares Crypto Basket Index ETP

Claro, outra opção é através dos ETPs diversificados, ou seja, aqueles que têm em carteira ativos (ou derivados sobre os mesmos) de Ethereum, mas também de outras importantes criptos do ecossistema como Bitcoin.

Neste sentido, 21Shares Crypto Basket Index é um produto de investimento que oferece exposição diversificada a várias criptomoedas. Está desenhado para seguir o desempenho de um índice composto pelas principais criptomoedas por capitalização de mercado, como pode ser uma combinação de criptomoedas líderes como Bitcoin (BTC) e Ethereum (ETH), entre outras. A ponderação de cada criptomoeda no índice baseia-se na sua capitalização de mercado, o que significa que as criptomoedas com maior valor de mercado têm um maior peso na carteira.

Deixo-te como está a sua composição neste momento, assim como a evolução do seu desempenho durante o último ano

  • Bitcoin (+49%)
  • Ethereum (+37%)
  • Solana (7,20%)
  • XRP (2,92%)
  • Polkadot (2,83%)

O principal objetivo do 21Shares Crypto Basket Index é proporcionar aos investidores uma forma simples e eficiente de obter exposição a uma seleção diversificada de criptomoedas sem ter que comprá-las e geri-las individualmente.

Por que comprar Ether em 2024? Perspectivas do ecossistema cripto

Existem várias razões pelas quais investir em Ethereum em 2024 pode ser interessante. Ethereum, a segunda maior criptomoeda por capitalização de mercado do mundo, consolidou a sua posição como uma plataforma essencial para contratos inteligentes e aplicações descentralizadas (dApps). Além disso, Ethereum teve novos e recentes desenvolvimentos técnicos, e as perspetivas futuras indicam que é muito provável que o projeto Ethereum continue a crescer e evoluir.

E, claro, não podemos ignorar as históricas e enormes valorizações do Ether; muitos investidores estão cientes de que essas valorizações são muito difíceis de repetir, mas continuam a pensar que ainda são possíveis grandes crescimentos no preço do Ethereum, dada a sua juventude e as suas possibilidades de crescimento e evolução.

Evolução preço Ethereum

Gráfico de preço (logarítmico) histórico do Ethereum desde o seu nascimento, mostrando o seu crescimento de menos de 1$ até superar os 4000$. Fonte: tradingview.com

Vejamos a seguir algumas mais das razões que poderiam reforçar o Ethereum como um bom investimento atualmente:

A aprovação dos 8 ETFs à vista

A recente aprovação dos ETFs à vista de Ethereum por parte da SEC marca um marco significativo para o Ethereum. Estes ETFs permitem aos grandes investidores norte-americanos obter exposição ao Ethereum sem necessidade de gerir carteiras digitais (o que para muitos não é possível, pois são obrigados a investir em ativos regulados, e agora os ETFs são) ou preocupar-se com a segurança dos ativos. O aumento da acessibilidade aos investidores institucionais pode trazer grandes entradas de capital no Ethereum, que antes estavam impossibilitados de fazer este investimento.

A segunda maior cripto (e com diferença da seguinte)

Ethereum não é apenas a segunda maior criptomoeda, mas a sua diferença em relação às que vêm atrás é considerável, tanto em termos de capitalização de mercado como de adoção e desenvolvimento de projetos na sua blockchain.

Ethereum suporta, atualmente, a maioria das aplicações descentralizadas que vão desde finanças descentralizadas (DeFi) até tokens não fungíveis (NFTs); atualmente, e apesar de outras blockchains estarem a ganhar terreno, Ethereum é líder no campo, abrangendo a maior parte do terreno de aplicações descentralizadas. A rede de Ethereum conta com uma comunidade de desenvolvedores ativa e um ecossistema cada vez mais amplo e diverso de aplicações, o que fortalece a sua posição no mercado.

A importância dos Smart Contracts

Os Smart Contracts ou contratos inteligentes são a contribuição de valor diferencial que Ethereum traz ao mundo. Estes contratos permitem a execução automática de acordos ao cumprirem-se certas condições (definidas pelo criador do Smart Contract) sem necessidade de intermediários humanos.

Devido a que isto faz com que sejam menos pessoas necessárias numa grandíssima variedade de procedimentos tecnológicos, reduzindo assim tanto custos económicos em salários como erros humanos, e aumentando enormemente a velocidade desses procedimentos, os Smart Contracts estão a ganhar cada vez mais importância e a revolucionar diversas indústrias.

Além disso, os Smart Contracts são 100% imutáveis e transparentes, o que aumenta a confiança entre as partes envolvidas e reduz o risco de engano ou de má fé por parte da pessoa envolvida. Todos os termos e condições estão codificados na blockchain, o que reduz drasticamente qualquer risco de fraude ou manipulação.

As aplicações de Finanças Descentralizadas (DeFi) e os Tokens Não Fungíveis (NFTs) baseiam-se em contratos inteligentes. Os Smart Contracts permitem aos utilizadores participar em atividades financeiras como empréstimos, poupanças e trading sem intermediários tradicionais, e os NFTs utilizam contratos inteligentes para verificar a propriedade e autenticidade de ativos digitais únicos.

Mas esta característica é valiosa e aplicável a quase a totalidade dos setores; por exemplo, em qualquer cadeia de abastecimento, os Smart Contracts permitem a transparência para a origem, a rastreabilidade e o tratamento dos produtos.

Expectativas de descida das taxas de juro em 2024

Após a subida mais rápida das taxas de juro na história dos Estados Unidos (e de grande parte do mundo) e uma pausa cada vez mais longa com as taxas acima dos 5% (níveis em que, anteriormente na história, surgiram crises económicas por isso), o mercado vê cada vez mais próxima uma possível redução das taxas de juro por parte da FED (Reserva Federal Americana, o banco central dos EUA), para evitar possíveis crises e problemas financeiros mais graves.

No entanto, isto só acontecerá ou se surgir um problema na economia e passarmos a necessitar de estímulo económico, ou se a inflação descer para o objetivo de 2% que a FED tem em mente, o que parece não estar a conseguir, como vemos na imagem seguinte:

taxa de inflação

O relevante aqui é que os investidores, ainda assim, dão mais possibilidades a uma descida das taxas de juro do que a novas subidas, o que estimularia a economia (e, consequentemente, faria subir o preço dos ativos de risco, como a bolsa e as criptomoedas, e, claro, o Ethereum, embora também provavelmente a inflação).

No entanto, historicamente, as taxas de juro habitualmente têm sido reduzidas quando houve um grande problema que causou uma crise, e não pelo controlo da inflação, pelo que, na realidade, as descidas das taxas de juro não têm sido um bom sintoma.

O que acontecerá nos mercados se realmente baixarem as taxas de juro (recordemos, estimulando assim a economia ao facilitar os empréstimos de dinheiro, aumentando a liquidez disponível no sistema), dependerá do seguinte:

  • Se a FED baixar as taxas de juro porque a inflação se aproxima dos 2%, isso será uma excelente notícia para os mercados.
  • Se, pelo contrário, a FED baixar as taxas de juro devido a um novo problema na economia, o mais provável é que esse problema seja de grande relevância e afete negativamente os mercados.

ETFs spot de Ethereum opiniões: É uma boa notícia?

Apesar de que a priori toda a gente pensa que a aprovação dos ETFs de Ethereum não pode ser mais do que uma boa notícia, já que só pode fazer com que entre novo capital de investimento no setor cripto (e, portanto, o preço do Ethereum subirá), como se costuma dizer “nem tudo são rosas”; pode também existir a parte negativa da questão; vejamos a seguir.

Os principais motivos que os investidores mais otimistas destacam são os seguintes:

  • Legitimação do Ethereum
  • Novas e maiores entradas de capital
  • Maior acessibilidade ao investimento em Ethereum
  • Maior regulação, o que, em teoria, reduz riscos

No entanto, àqueles amantes ou puristas das criptomoedas pode vir à mente a ideia inicial das criptomoedas (pelo que o Bitcoin foi criado), que é dar liberdade ao cidadão com moedas descentralizadas e não controladas (nem manipuladas) por governos nem por grandes entidades, com moedas que não podem ser impressas nem desvalorizadas (como acontece com as moedas fiduciárias e as políticas económicas e fiscais expansivas de governos e bancos centrais); com os ETFs, algo que fica claro é que mais Ethereum passará para as mãos de grandes entidades e investidores institucionais, e portanto ficará menos Ether disponível para a cidadania.

Por outro lado, é certo que quem possui o ETH é quem tem o poder de votar sobre a tomada de decisões dentro do protocolo e, portanto, definir a direção do futuro do projeto; no entanto, custa ver que o Ethereum acabe sendo utilizado para exatamente o contrário do que foi criado (a própria tecnologia do Ethereum “é para o que é”), e também que os investidores num projeto tenham o interesse contrário ao objetivo principal deste, pelo que esta hipótese, apesar de ter algum fundamento real e ser totalmente válida para o caso do Bitcoin, tem menos força no caso do Ethereum.

Em qualquer caso, se procuras investir em Ethereum não tanto pelo valor e ideia original do projeto, mas porque o consideras uma possibilidade de investimento rentável a longo prazo, é evidente que os ETFs de Ether são uma boa notícia, porque como já comentámos conferem autoridade e transparência ao mundo cripto.

Vantagens e desvantagens de investir em Ethereum

Para finalizar o artigo, vamos avaliar algumas possíveis vantagens e desvantagens que podem afetar o Ethereum como investimento na atualidade (não sem lembrar que cada investidor deve realizar a sua própria pesquisa antes de tomar decisões de investimento):

Em suma, com a chegada dos novos ETFs de Ethereum, mais uma vez o capital institucional volta a dar legitimidade a um produto financeiro que já estava connosco há mais de dez anos, e que, pouco a pouco, tem vindo a ganhar espaço entre muitos investidores com um certo grau de tolerância ao risco e gosto por ativos um pouco mais exóticos.

Disclaimer:

Freedom24: os investimentos em valores mobiliários e outros instrumentos financeiros sempre envolvem o risco de perda do seu capital. As previsões e o desempenho passado não são indicadores fiáveis do desempenho futuro. É fundamental fazer a sua própria análise antes de fazer qualquer investimento. Se é necessário, deve procurar cuidadosamente o aconselhamento de investimento independente de um profissional certificado.

Interactive Brokers: Investir em produtos financeiros implica correr riscos.
Os seus investimentos podem aumentar ou diminuir de valor, e as perdas podem exceder o valor do seu investimento inicial.

RANKIA PORTUGAL: Este artigo é meramente informativo e educacional. As informações fornecidas aqui não podem ser consideradas como aconselhamento financeiro ou recomendação de compra / venda.

Ler mais tarde - Preencha o formulário para guardar o artigo como PDF
Bit2Me
Descubra como funciona a plataforma Bit2Me:
  • Atendimento ao cliente: suporte disponível 24/7 em português e mais 8 idiomas.
  • Segurança: registrada no Banco de Espanha, a Bit2Me assegura as criptomoedas em cold wallet, com seguro de 150 milhões de euros em colaboração com Ledger Enterprise.
  • Ampla gama de serviços: com mais de 290 criptomoedas, oferece contas wallet e PRO, staking, API e cartões.

Artigos Relacionados

Após o boom do mercado de criptomoedas e a subsequente perda de interesse por parte de muitos investidores, parece que o setor está a recuperar aos poucos. Se é uma das pessoas interessadas em investir ...
Neste artigo, vamos proceder a explicar o que são as stablecoins de forma ampla, a sua importância no ecossistema cri...