O que são fundos do mercado monetário?

Fundos do Mercado Monetário

O que são fundos do mercado monetário? Antes de começarmos a aprofundar nos mercados monetários, nós precisamos primeiramente contextualizar “O quê” são eles.

O que são fundos do mercado monetário?

Os fundos de Mercado Monetário são um tipo de fundos mútuos, lançados em 1975 como uma forma de oferecer aos investidores, uma opção de liquidez rápida de seu capital, e garantindo uma renda atual enquanto protege o patrimônio principal dos investidores.

Desde então, eles se tornaram extremamente populares. Diferentemente de outros fundos de investimento que se concentram em outros títulos, como ações e títulos, os FMM’s investem em títulos do “mercado monetário”.

Grandes empresas e corporações, instituições financeiras e os governos tomam emprestado dinheiro emitindo títulos do “mercado monetário”, como promessas de pagamento das dívidas.

Por exemplo, o governo toma emprestado dinheiro vendendo títulos ou notas do Tesouro. Os bancos emprestam dinheiro vendendo certificado de depósito (CD).

As grandes empresas tomam emprestado dinheiro emitindo notas de saída, chamadas de papel comercial. Esses, são todos títulos do mercado monetário que compõem o fundo do mercado monetário.

Como funciona um fundo do mercado monetário?

O objetivo de um Fundo do Mercado Monetário é obter um retorno equivalente à taxa de juros praticada no mercado, mas com o menor risco possível. Os Fundos do Mercado Monetário são frequentemente usados por investidores institucionais, como fundos de pensão, para reter grandes quantias de dinheiro de maneira segura. Atualmente, estão detidos aproximadamente 1 trilhão de euros em Fundos do Mercado Monetário na Europa.

Normalmente os fundos do mercado monetário oferecem uma taxa de retorno mais alta do que esses outros investimentos de curto prazo, e por isso estes têm a preferência do público.

Vantagens

Os fundos do mercado monetário são uma das melhores e mais seguras opções para investir seu dinheiro. Terá mais juros e consequentemente maior rendimento do que em uma conta corrente ou poupança tradicional. Confira abaixo algumas vantagens dos fundos do mercado monetário.

Eles são muito seguros

Os fundos do mercado monetário não são segurados pelo FDIC, como são as contas de poupança e os CDs. Mas ainda assim eles são muito seguros.

Desde seu lançamento, seu histórico é quase livre de problemas. Se  está preocupado com a falta de seguro, talvez seu perfil como investidor seja tão avesso a risco que você deveria considerar uma conta poupança ao invés de uma conta no mercado monetário.

Eles são líquidos e facilmente acessíveis

Liquidez diária é algo extremamente desejado em todas as aplicações, e mais ainda para aqueles investidores que são avessos a risco ou que estão investindo com dinheiro que não está “sobrando”. Outra vantagem dos fundos do mercado monetário é que sua liquidez é diária, e caso você necessite, você têm acesso imediato ao seu dinheiro.

Pode retirar seu dinheiro a qualquer momento, sem incorrer em penalidade

Além da liquidez diária, você pode sacar suas ações como quiser, seja por telefone, online, correios ou mesmo seu corretor, mas o mais importante é, você não terá nenhuma penalidade por fazê-lo antes do prazo..

Eles fornecem rendimentos mais altos

É importante ressaltar que se você está buscando os fundos de mercado monetário, sua prioridade é minimizar os riscos ao máximo, tentando encontrar as melhores taxas de juros. Levando isso em consideração, os fundos do mercado monetário pagam rendimentos mais altos do que uma conta poupança tradicional, tornando-se assim uma opção mais vantajosa.

Fundos do mercado monetário vs. Contas do mercado monetário

À primeira vista eles podem parecer iguais, inclusive porque os nomes são muito parecidos, mas eles são dois tipos diferentes de investimentos, inclusive dificilmente você encontrará ambos na mesma instituição.

Para recapitular, um fundo do mercado monetário é um tipo de fundo mútuo. Esses fundos investem em dívidas de curto prazo. Eles oferecem retornos mais altos do que as contas do mercado monetário.

Por outro lado, uma conta do mercado monetário é um tipo de conta poupança. Os bancos são os responsáveis por oferecê-las aos clientes, e dificilmente você encontrará essa opção em gestoras ou corretoras.

Nas contas de mercado monetário, as taxas de retorno tendem a ser mais altas do que as de uma conta poupança típica, e ao contrário dos fundos do mercado monetário, elas são seguradas pelo FDIC.

Mercado Monetário x Mercado Financeiro

É importante que saibamos a diferença entre os mercados monetários e os mercados financeiros, visto que o segundo é muito mais amplo e engloba o primeiro. Os mercados monetários estão INSERIDOS nos mercados financeiros, eles são uma de suas vertentes, e tradicionalmente são os mercados que possuem menor risco dentre as opções nos mercados financeiros, mas também por consequência disso, têm as menores taxas de rendimentos.

Considerações Finais

Os mercados monetários são um dos vários tipos de mercado financeiro, em que se reúnem principalmente investidores avessos ao risco, ou que possuem fundos que gostariam de deixar rendendo tanto quanto possível, mas necessitam tanto da liquidez diária quanto da segurança oferecida por eles. Caso você se enquadre em algum destes dois cenários, então parabéns, você encontrou o investimento para você, mas caso você esteja buscando investir com maior rentabilidade, entre em contato conosco para que possamos te ajudar a encontrar quais as melhores opções para o SEU perfil de investidor!

0

Sobre o autor

Diana Costa

Content Specialist for Rankia Portugal

 

Responder a este tópico

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *