Quais são os índices MSCI? - Rankia Portugal
Entrar Criar conta
Acesso
Entrar em Rankia

Bem-vindo à sua comunidade financeira

Informe-se, debata, compartilhe experiências; aprenda sobre como economizar e investir. Faz parte da maior comunidade financeira, já somos mais de 750.000 desde 2003. Você se inscreve?

Quais são os índices MSCI?

Subscrever Agora

Selecione os temas que lhe interessa e personalize a sua experiência no Rankia

Enviaremos uma Newsletter cada quinze dias com as novidades de cada categoría que escolheu


Quer receber notificações dos nossos eventos/webinars?


Quais são os índices MSCI?

Quais são os índices MSCI? Que os índices são extremamente importantes para os mercados financeiros, isso não é novidade, sejam eles para fins comparativos de desempenho, para entendimento de movimentações e tendências de longo prazo, e por fim, para guiar os traders nas suas decisões de posicionamento.

Dentre estes índices, existe um que talvez  já tenha ouvido falar, o MSCI. Antes de explicá-lo, é preciso entender que dentro desta “categoria de índice” existem algumas variações dele, visto que são utilizadas para medir o desempenho do mercado de ações de áreas pré determinadas.

Para que não existam mais dúvidas sobre estes índices, vamos discorrer um pouco sobre a sua história, a sua importância e quais os principais índices MSCI.

Quais são os índices MSCI?

Os índices MSCI tem origem em 1969 quando a empresa Capital International introduziu os primeiros índices de ações internacionais. A sigla MSCI começou a ser utilizada em 1986 quando o banco Morgan Stanley comprou os direitos de licenciamento, tornando-se o maior acionista da empresa.

Em 2004, a MSCI adquiriu a Barra, uma empresa de gerenciamento de riscos e análise de portfólio, por aproximadamente US$ 816 milhões. A fusão de ambas as entidades resultou numa nova empresa, a MSCI Barra, que realizou o seu IPO em 2007 e começou a ser negociada na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE) sob o código MSCI.

Desde então os seus principais “produtos” eram os relatórios que informam os índices por eles desenvolvidos, que, não obstante, carregam o nome da organização.

A cada três meses cada índice tem a sua composição revisada por um comitê especializado da empresa MSCI em cada área e assunto relacionado ao índice. Há pelo menos três fatores muito importantes que esses índices englobam por isso, são tão valiosos para o mercado:

Seus principais índices são o MSCI World, MSCI ACWI e MSCI Emerging Markets, sobre os quais iremos discorrer de maneira mais aprofundada à frente no artigo.

Como funcionam os índices MSCI para os investimentos?

Como o índice MSCI serve como referência para investimentos, as ações listadas costumam se tornar mais valorizadas. Assim, as ações que são excluídas do índice têm queda nas suas cotações. Portanto, estar ou não dentro dos índices podem representar perdas, ou ganhos para investidores.

Cada índice mede o valor para capitalização de uma ação no mercado. Além disso, os valores são calculados na moeda nacional da ação e também em dólares americanos, parte pela origem da organização, parte por ser o padrão do mercado internacional. Dessa forma também é possível medir o efeito do câmbio.

A revisão dos índices do MSCI é feita a cada três meses. Mas os valores são atualizados todos os dias, de segunda a sexta-feira. Além disso, as ações listadas nos índices são excluídas ou adicionadas a cada seis meses.

O Morgan Stanley Capital International gere atualmente mais de 160 mil índices em todos os mercados em que atua. Quando há mudanças nos índices, todos os Exchange Traded Funds acompanham, ou seja, compram aquilo que se valoriza e vendem o que desvalorizou.

Principais índices MSCI

MSCI Emerging Markets

Índice que acompanha o desempenho das bolsas de valores de 26 países emergentes: Argentina, Brasil, Chile, China, Colômbia, República Tcheca, Egito, Grécia, Hungria, Índia , Indonésia, Coreia, Malásia, México , Paquistão, Peru, Filipinas, Polónia, Catar, Rússia, Arábia Saudita, África do Sul, Taiwan, Tailândia, Turquia e Emirados Árabes Unidos.

Abaixo, veja o retorno do MSCI Emerging Markets e a sua divisão de composição entre setores e países.

MSCI Emerging Markets

MSCI World

O índice mundial da MSCI mede o desempenho do mercado de empresas de grande e médio porte com presença global e em países desenvolvidos. É frequentemente usado para descrever como está o mercado de ações em escala mundial, excluindo ações de países emergentes.

Inclui os seguintes países em ordem alfabética: Austrália, Áustria, Bélgica, Canadá, Dinamarca, Finlândia, França, Alemanha, Hong Kong, Irlanda, Israel, Itália, Japão, Holanda, Nova Zelândia, Noruega, Portugal, Singapura, Espanha, Suécia, Suíça, Reino Unido e Estados Unidos.

O mercado de ações norte-americano é hoje o que mais representa o índice, com mais de 60% de participação na composição.

MSCI World

MSCI AWI

Projetado para representar o desempenho de todo o conjunto de oportunidades de ações de grande e médio porte do mundo, O MSCI ACWI (All Country World Index) abrange 23 mercados desenvolvidos e 26 emergentes, sendo portanto o índice mais abrangente da MSCI em escala global. Em outras palavras, é o compilado entre os índices de Emerging Markets e World.

MSCI ACWI

Como investir?

Aqui, já vamos explicar uma das características mais importantes do índice MSCI aproveitando uma pergunta que possivelmente deve estar se fazendo: é possível investir nos índices MSCI? De forma direta, não. Porém, há um veículo disponível no mercado específico para investir em índices, os Exchange Traded Funds (ETFs), conhecidos também como fundos de índices negociados nas Bolsas de Valores ao redor do mundo.

Esses ativos, sendo negociados praticamente da mesma forma que qualquer ação, replicam os índices do mercado financeiro. E a importância dos MSCI é que, por haver centenas de milhares de índices com as suas mais diversas composições, há, portanto, milhares de ETFs em que é possível se expor à mesma estratégia de um determinado índice.

Em resumo, para investir nos índices MSCI, precisa primeiramente encontrar os ETFs que representam os índices aos quais deseja alocar seus recursos, e daí em diante basta efetivar a sua posição.

Manual de Fundos de Investimento

 

Artigos Relacionados

Deixar uma Resposta

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments