Earnings Yield: definição e fórmula

Earnings Yield: definição e fórmula

Se invertermos o PER, obtemos o rácio Earnings Yield, que avalia o lucro de uma ação nos últimos 12 meses e compara-o com o preço de mercado por ação (lucro por ação). Ou seja, indica a rentabilidade gerada por cada ação por cada euro investido (rendibilidade gerada a partir do euro investido). Avalia com base no comportamento histórico, desse valor.

Earnings yield: Fórmula

Earning Yield Ratio = Lucro por ação / Preço cotação

Quando as empresas tendem a manter uma política de dividendos estável de ano para ano, o rácio Earnings Yield pode ser considerado como um rendimento fixo obtido pelo investidor. Algumas empresas (por exemplo, companhias de electricidade) dão uma rendibilidade por dividendos semelhante ao que poderia ser obtido em títulos de rendimento fixo, para além de o investidor poder obter lucros com a valorização da ação.

Uma das vantagens é que permite que a empresa seja comparada com diferentes tipos de investimentos, para ver que retorno pode ser esperado de cada investimento.

Perfil do investidor

  • Conservador: ações com elevado rácio earning yield, mesmo que não se espere uma revalorização muito elevada da cotação
  • Agressivo: ações com altas expectativas de revalorização, mesmo que o sue earning yield não seja muito alto.

Também pode acontecer que o rácio earning yield seja elevado porque a empresa está a distribuir uma percentagem elevada dos seus lucros como dividendos, mas não está a reter este para investir e continuar a crescer. Pelo contrário, com um rácio baixo, pode ser porque está a reter demasiado lucro para o seu potencial de crescimento.

Exemplo

Se uma empresa tem um preço cotado de 20 euros a ação e tem lucros de 1 euro por ação, dizemos que tem um PER de 20 (20 dividido por 1), pelo que a ação tem um “earning yield” de 5% (1/20).

0

Sobre o autor

Rankia

Responder a este tópico

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *