Quem são os maiores acionistas das empresas do PSI20?

Maiores acionistas de empresas do psi 20

Quem são os maiores acionistas das empresas do PSI20? Família Soares dos Santos e Amorim são as que valem mais dinheiro na bolsa. Os chineses também estão na lista.

Os grandes empresários e as suas familias, Estado chinês, Angola e influentes gestoras de ativos americanas. São os principais donos da bolsa portuguesa. Há 12 entidades que têm investimentos no PSI 20 acima de mil milhões de euros. Essa dúzia de investidores controla 40% do mercado acionista nacional.

As famílias Soares dos Santos e Amorim continuam a ter as posições mais valiosas. A posição de 56% da Sociedade Francisco Manuel dos Santos na Jerónimo Martins está avaliada em quase 4,6 mil milhões de euros. Já os investimentos de entidades relacionadas com a família Amorim na Galp e na Corticeira valem quase 4,1 mil milhões de euros.

Mas o estatuto de maiores investidores da bolsa portuguesa está ameaçado pela China. As empresas estatais de Pequim têm atualmente participações avaliadas em 3,9 mil milhões de euros na EDP e na REN.

Os investimentos chineses na bolsa portuguesa não se ficam por empresas estatais como a China Three Gorges, a CNIC (acionistas da EDP) e a State Grid na REN. Também um dos maiores conglomerados do país, a Fosun, tem apostado forte em Portugal. Detém 27% do BCP, um investimento que vale mais de mil milhões de euros, e 5,3% da REN, posição detida através da Fidelidade e que vale mais de 85 milhões.

Lista dos maiores investidores nas empresas do PSI 20

Valores em milhões de euros

Apesar do interesse de investidores chineses, angolanos e americanos em Portugal, a grande maioria das posições de referência na bolsa portuguesa é detida por entidades nacionais. Além das famílias Soares dos Santos e Amorim, também a familia do Pedro Queiroz Pereira construiu um império no mercado nacional.

Abrir conta em Degiro

Podes investir em ações e outros produtos da bolsa na corretora com comissões mais baixas do mercado

abrir conta degiro

 

    Sobre o autor

    Henrique Garcia
    Analista de Mercados

    Responder a este tópico

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *