Como investir na Bolsa Portuguesa? - Rankia Portugal
Entrar Criar conta
Acesso
Entrar em Rankia

Bem-vindo à sua comunidade financeira

Informe-se, debata, compartilhe experiências; aprenda sobre como economizar e investir. Faz parte da maior comunidade financeira, já somos mais de 750.000 desde 2003. Você se inscreve?

Como investir na Bolsa Portuguesa?

Subscrever Agora

Selecione os temas que lhe interessa e personalize a sua experiência no Rankia

Enviaremos uma Newsletter cada quinze dias com as novidades de cada categoría que escolheu


Quer receber notificações dos nossos eventos/webinars?


Como investir na Bolsa Portuguesa?

Já toda a gente pensou, pelo menos uma vez na vida, em investir na bolsa de valores. Afinal de contas, já todos vimos filmes de Hollywood sobre investidores que enriquecem em pouco tempo, apenas a negociar ações. No entanto, para quem não está habituado ao mercado financeiro, tudo isso pode parecer rum bicho de sete cabeças.

Por onde começar? O que fazer? Como analisar o mercado? As questões são muitas e, à medida que vamos pesquisando mais sobre o assunto, outras vão surgindo. E quando damos por isso estamos perante um acumular de perguntas sem resposta. No entanto, investir na bolsa é bem mais fácil do que parece à primeira vista e, nos últimos anos, isto tem-se tornado ainda mais fácil, devido às novas tecnologias e ferramentas digitais.

A Bolsa portuguesa pode não ter o sex appeal que tem a Bolsa de Nova Iorque, mas para quem quer comprar e vender ações funciona exatamente da mesma forma. E o seu potencial é tremendo. Assim, se está a pensar começar a investir na Bolsa, criámos um pequeno guia introdutório, onde pode descobrir tudo o que necessita saber sobre este tema, para que não lhe falte nada.

O que é a bolsa de valores portuguesa?

A Bolsa de Valores portuguesa resulta de uma fusão entre esta e as bolsas de Paris, Bruxelas, Dublin, Oslo e Amesterdão, que recebeu o nome de Euronext. Em Lisboa, ela tem mesmo o nome de Euronext Lis, de acordo com as iniciais da capital nacional. Esta fusão permitiu reforçar estas bolsas, já que dá oportunidade aos investidores e empresários de comprarem e venderem ações de qualquer uma das empresas cotadas numa destas bolsas. Não é por acaso que a Euronext é considerada a maior Bolsa de toda a Europa, permitindo aos investidores alargar a sua estratégia.

A Euronext tem um funcionamento totalmente semelhante ao das outras bolsas de valores, obedecendo à mais básica lei do mercado, da demanda e da procura. Ou seja, quando existe muita procura por determinada ação, o seu valor aumenta. Por sua vez, quando a sua procura é baixa, o seu valor diminui exponencialmente. Assim, é importante ter algum conhecimento da situação atual do mercado, até mesmo na tentativa de tentar prever ou antecipar algum movimento destas ações.

Como comprar ações do PSI-20

Na Euronext Lis operam mais de 50 empresas, incluindo algumas de destaque, que já ouviu certamente falar, como é o caso das petrolíferas Galp ou Repsol, as telecomunicações da NOS ou mesmo os CTT. No entanto, para quem procura investir na Bolsa nacional, importa salientar o PSI20, ou seja, o índice acionista português, composto pelas 20 maiores empresas cotadas em Portugal.

No fundo, é nestas empresas que deve investir. Afinal de contas, são elas a referência do mundo empresarial português, com experiência comprovada no quotidiano dos portugueses. Além disso, por serem as ações mais negociatas na Euronext Lis, estas são ações fáceis de negociar, até mesmo por parte dos investidores menos experientes. E são aquelas que oferecem maior liquidez e menos riscos associados, assumindo-se como uma boa opção por parte de quem quer transacionar no mercado financeiro.

Assim, para comprar e vender ações do PSI20, necessitará de uma corretora. Em Portugal, existem vários intermediários certificados para o efeito, se bem que pode também recorrer à sua instituição financeira, já que a maioria dos bancos nacionais está creditado para tal. No entanto, as comissões destes são extremamente elevadas e, como tal, pouco recomendáveis. Assim, pode optar antes por corretoras ‘online’, como a XTB, a eToro ou a GoBulling, plataformas de confiança e extremamente simples de usar, que lhe permitem comprar e vender ações na Euronext Lis com comissões muito mais baixas.

Se quer consultar as cotações das empresas do Psi-20, faça clique aqui.

Vale a pena investir em ações portuguesas?

Para quem é novo no mercado financeiro é natural colocar esta questão: vale a pena investir na bolsa portuguesa? Na verdade, não existe uma resposta certa a esta pergunta. Tudo depende das reais necessidades e dos objetivos e motivações do investidor. E o que é certo é que, especialmente para quem está a dar os primeiros passos neste sector, o mercado nacional até pode ser recomendado, dado que lhe permite estar mais atento à atualidade nacional e perceber como se comporta o mercado.

Podemos então analisar quais são as vantagens de investir na bolsa nacional para o investidor. A maior de todas será provavelmente a rentabilidade periódica que este instrumento financeiro oferece, uma vez que a carteira de títulos adquiridos geram dividendos, que até podem ser reinvestidos de volta. Além disso, comprar e vender ações na Euronext Lis tem comissões relativamente baixas, especialmente quando comprados com outros ativos financeiros.

Finalmente, mas não menos importante, há que ter em atenção que o mercado da bolsa de valores é totalmente livre, podendo entrar e sair quando bem entender. Isso significa que não está dependente de circunstâncias exteriores ou de terceiros e toda a sua estratégia de investimento está totalmente depende de si próprio. Essa liberdade e independência é extremamente importante no mercado financeiro e os investidores dão bastante valor a esse factor.

Que corretora escolher para investir na bolsa portuguesa?

Para investir na Bolsa, seja a portuguesa ou outra qualquer, necessita sempre da intervenção de um intermediário. Estes parceiros são as corretoras, agentes creditados e certificados para o efeito. Muitas vezes, a rentabilidade de uma estratégia de investimento depende diretamente da corretora utilizada, já que esta deve-se adequar ao perfil do investidor.

Em Portugal, existem muitas opções por onde escolherem. Os bancos normalmente disponibilizam este serviço, mas cobram comissões extremamente elevadas. Assim, a melhor opção é escolher antes uma corretora online. Com o aumento da procura aumentou exponencialmente a oferta no mercado online e, apesar de não existir uma corretora ideal para todas as pessoas, a verdade é que são muitas as opções altamente recomendáveis.

Assim, o mais importante é escolher uma corretora de confiança, que cobre comissões baixas e que seja simples, fácil e rápida de usar. A XTB e a eToro serão, provavelmente, duas das mais populares da atualidade, até porque são extremamente intuitivas, o que significa que até quem está menos habituado a usar estas ferramentas digitais irá conseguir começar a comprar e vender ações em poucos passos. Mas existem outras opções válidas, como a DEGIRO ou a TeleTrade, sendo totalmente gratuitas e cobram comissões relativamente baixas.

Quer saber mais sobre estas corretoras ou outras disponíveis? Consulte o nosso comparador de corretora.

Artigos Relacionados

Evergrande escapa à falência? Hoje falamos sobre as notícias! Os ursos à espera da grande queda nos mercados terão de esperar mais alguns dias. Pelo menos para ver se este gigante desencadeia a crise finance...

Deixar uma Resposta

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments