O que posso comprar com Bitcoins? - Rankia Portugal
Entrar Criar conta
Acesso
Entrar em Rankia

Bem-vindo à sua comunidade financeira

Informe-se, debata, compartilhe experiências; aprenda sobre como economizar e investir. Faz parte da maior comunidade financeira, já somos mais de 750.000 desde 2003. Você se inscreve?

O que posso comprar com Bitcoins?

Subscrever Agora

Selecione os temas que lhe interessa e personalize a sua experiência no Rankia

Enviaremos uma Newsletter cada quinze dias com as novidades de cada categoría que escolheu


Quer receber notificações dos nossos eventos/webinars?


O que posso comprar com Bitcoins?

O que posso comprar com Bitcoins? Nunca se falou tanto de Bitcoins como atualmente. Esta, que é uma das principais tendências do mundo tecnológico e financeiro nos últimos anos, consolidou-se definitivamente em 2021, especialmente depois de Elon Musk, o excêntrico milionário e CEO da Tesla, ter investido 1,5 bilião de dólares nessa criptomoeda.

Rapidamente o Bitcoin atingiu máximos históricos. Em fevereiro, um Bitcoin valia quase 50 (mil) dólares, um recorde em termos absolutos. Este reavivar de interesse por parte dos investidores levou a um novo boom do mercado das criptomoedas, que voltou a disparar, criando outros fenómenos curiosos, como é caso da Dogecoin. Esta criptomoeda, que não tem funcionalidade prática, viria igualmente a atingir máximos históricos.

Vista como a tendência do futuro, a Bitcoin promete revolucionar o mercado digital, à medida que mais sectores e empresas começam a abraçar esta nova forma de pagamento. Sectores como o da saúde ou o do transporte podem beneficiar imenso com esta abertura à criptomoeda, sendo o público o óbvio beneficiado. No entanto, continuam a ser muitas as questões que surgem para quem não está bem por dentro deste mundo.

O que posso comprar com Bitcoins?

O que é o Bitcoin e como funciona?

Comecemos então pelo início: afinal de contas o que é isto de que falamos? O Bitcoin foi a primeira criptomoeda que surgiu, criada em 2008, uma moeda que é emitida virtualmente e que, por isso, é descentralizada. Ou seja, por outras palavras, não é controlada por nenhum governo ou órgão regulador, como o Banco Central.

O Bitcoin é gerada e controlada pela tecnologia Blockchain, uma rede gigantesca de servidores que garante que todo o processo é único e imutável. Com isso, é fácil entender os principais benefícios da Bitcoin: totalmente segura, garante a privacidade de quem a utiliza e, por não estar sujeita às regras dos mercados e das entidades financeiras, está livre dos efeitos da inflação.

No entanto, por ser um mercado sem um regulador externo, é extremamente volátil e daí que os seus preços subam e desçam tanto. Basta ver o recente investimento da Tesla, que fez disparar novamente os seus valores até recordes astronómicos. Contudo, os especialistas acreditam que isto tem tendência a caminhar para estabilizar à medida que mais empresas adoptem a criptomoeda como uma forma de efectuar pagamentos e transferências. Por exemplo, o governo Japonês há regulou a sua utilização e a Rússia tem planos para fazer o mesmo num futuro próximo.

Que coisas posso comprar com Bitcoins?

Para já, o acesso aos pagamentos por Bitcoin ainda não é uma realidade generalizada, mas cada vez mais e mais empresas aderem a esta forma de pagamentos. Algumas marcas, como a Dell, testaram este método durante algum tempo, mas acabaram por desistir. Outras, já abriram as suas portas à Bitcoin.

É o caso da gigante Microsoft, se bem que apenas para jogos e aplicações, o Stream ou a própria Wikipédia, por exemplo. Especialmente as lojas online de comércio electrónico são as que mais aderiram à criptomoeda, se bem que é possível encontrar hotéis em Las Vegas que permitem este meio de pagamento ou outras coisas mais inesperadas, como bilhetes para ver jogos de basquetebol dos Dallas Mavericks, a popular equipa de basquetebol da NBA.

Para isso, algumas instituições financeiras criaram inclusive a possibilidade de abrir uma conta e utilização um cartão de débito virtual exclusivo para bitcoins. Funciona como um cartão tradicional, com a mesma comissão de taxas, mas funciona online através da respetiva aplicação e permite fazer compras até em lojas que não aceitem Bitcoins.

Que lojas aceitam Bitcoin em Portugal?

No território nacional, o Banco de Portugal continua a alterar para os riscos de investir nas criptomoedas como o Bitcoin, tendo em conta a alta volatilidade do mercado. Talvez por isso, a maioria das lojas continua a apostar nos outros métodos de pagamento alternativos, como o MBWay ou o MBNet, que também são super práticos e eficientes.

É expectável que, num futuro próximo, as empresas e as marcas nacionais também venham a aceitar este tipo de pagamento, à semelhança do que acontece em todo o mundo. No entanto, esse é um processo que tem sido lento, ainda enfrentando alguma desconfiança. Mas à medida que mais e mais utilizadores investem neste tipo de ativos, mais as empresas encontram aqui uma necessidade a suprir.

Para já, os portugueses que tenham Bitcoins podem continuar a utilizar-las nos sites internacionais que já aderiram à criptomoeda, como já referimos acima. Podem comprar um automóvel elétrico da Tesla, marcar um voo na CheapAir ou arrendar um carro na Expedia. Tudo com o máximo de conforto, segurança e eficácia.

 

Se quiser aprender mais sobre Criptomoedas, pode descarregar o nosso manual de forma gratuita

Manual de Criptomoedas: o que posso comprar com Bitcoins?

Artigos Relacionados

O Proof-of-Work é o algoritmo baseado em blockchain que protege muitas criptomoedas, incluindo Bitcoin e Ethereum. Proof-of-Work  é o algoritmo que protege muitas criptomoedas, incluindo Bitcoin e Ethereum. ...
Proof-of-Stake (PoS) é outro mecanismo de consenso, o método pelo qual o blockchain confirma as transações e evita o ...

Deixar uma Resposta

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments