Entrar Criar conta
Acesso
Entrar em Rankia

Bem-vindo à sua comunidade financeira

Informe-se, debata, compartilhe experiências; aprenda sobre como economizar e investir. Faz parte da maior comunidade financeira, já somos mais de 750.000 desde 2003. Você se inscreve?

Melhores estratégias Forex

Subscrever Newsletter

Selecione os temas de seu interesse e assine nossa newsletter abaixo:

Subscription Type(Obrigatório)

Consent(Obrigatório)

A primeira coisa a saber quando se faz trading forex é que ninguém pode determinar com certeza o que irá acontecer no futuro. Isto aplica-se quer ao prever onde a roleta irá parar ou de que lado a moeda irá cair ou a direção que uma moeda irá tomar contra a outra. Neste artigo, analisamos como construir as melhores estratégias de Forex.

Trading Forex Operacional: as estratégias vencedoras para fazer dinheiro no mercado de divisas

As melhores estratégias de trading forex são aquelas que partem do pressuposto de que a tendência dos preços é sua amiga e por isso deve negociar seguindo a direção do mercado.

Para identificar a direção do mercado, a abordagem mais aconselhável é a análise técnica. Isto porque as tabelas de preços dizem muitas coisas e contêm níveis importantes onde os traders podem entrar ou sair do mercado, aumentando as suas hipóteses de sucesso.

Estratégias Forex: Análise de gráficos

O estudo dos gráficos de trading é o principal instrumento para qualquer analista técnico. Podem ser representadas de várias maneiras. As mais comuns são:

  • Linhas
  • Velas japonesas
  • Barras

As representações gráficas preferidas pelos traders do forex são velas japonesas (ou candelabros) e barras. Claro que muito depende do Time frame que se escolhe, pois cada vela ou barra indica uma certa quantidade de tempo, ou período, necessário para o formar completamente.

Portanto, estas figuras podem determinar o que aconteceu aos preços durante um minuto de negociação ou uma hora, um dia, até mesmo meses.

Para o day trading, o time frame preferido é convencionalmente o de 5 minutos, depois os períodos de 1 minuto e 15 minutos como secundários (a consultar frequentemente e em comparação com o período de 5 minutos).

Estratégias Forex Intraday: Indicadores

No day trading de Forex, é necessário complementar a análise de padrões gráficos com a análise de indicadores, dos quais o software de gráficos é abundantemente fornecido.

No day trading de Forex, os indicadores de fácil interpretação utilizados com mais frequência são os seguintes:

  • Bandas de Bollinger
  • O MACD (Moving Average Convergence Divergence)
  • Pontos de Pivot
  • Resistência e suportes
  • O indicador RSI (Índice de Força Relativa)

Bandas de Bollinger

As Bandas de Bollinger consistem numa ‘linha central’, sendo uma média móvel simples ou EMA, e dois desvios padrão: um acima da linha central e um abaixo. Estes são chamados a banda Bollinger superior e inferior.

Numa tendência de alta (tendência ascendente) verá que a banda superior do Bollinger está para cima e toca ou atravessa o topo das barras de preços. Se o ângulo da EMA for superior a 45° para cima, significa que a tendência é bem definida e robusta, representando assim um forte sinal de compra.

Inversamente, numa tendência de baixa, a banda Bollinger inferior fica virada para baixo e toca ou atravessa o fundo das barras de preços. Do mesmo modo, mas inversamente, numa tendência para baixo, se o ângulo da EMA exceder 45° para baixo significa que a tendência é bem definida e estável, representando assim um forte sinal de venda. A tendência acabará assim que as bandas Bollinger se desviarem das barras, aplanarem ou mudarem de direção.

Moving Average Convergence Divergence (MACD)

Outro indicador de tendência muito útil a utilizar em conjunto com as Bandas de Bollinger é o MACD (Moving Average Convergence Divergence Divergence).

O MACD é um histograma com barras verticais. Este indicador mostra a relação entre duas médias móveis de preços e baseia-se num cálculo bastante simples, realizado subtraindo a média móvel exponencial a longo prazo (EMA) de uma média móvel exponencial a curto prazo.

As linhas verticais mostram a interseção dos EMAs que corresponde ao zero da linha de sinal. A EMA de 9 barras do MACD, chamada linha de sinal, é uma linha horizontal, com o valor de zero. A partir dele originam-se barras verticais que mostram graficamente a divergência ou convergência dos EMAs de longo e curto prazo. À medida que as barras se tornam mais longas, a divergência aumenta, enquanto elas se tornam mais curtas quando as linhas EMA convergem.

As barras desenvolvem-se acima da linha de sinal quando os compradores prevalecem entre os traders, enquanto abaixo significa que os vendedores prevalecem. Quando as linhas dos EMAs de longo e curto prazo estão acima da linha de sinal, a linha vermelha representando o EMA de curto prazo subirá se as tendências de curto prazo estiverem a ganhar força e a divergência com a linha azul aumentará, enquanto diminuirá para a intersectar de cima se estiverem a perder força. Quando estiverem abaixo, a EMA de curto prazo irá intersectar a EMA de longo prazo a partir de baixo.

É gerado um sinal de compra fiável quando a linha vermelha intersecta a linha azul por baixo e depois as barras do histograma estão a zero. É gerado um sinal de venda fiável quando a linha vermelha intersecta a linha azul de cima e as barras do histograma estão a zero.

Pivot point e pivot level

Muitas estratégias de trading do forex utilizam o Pivot Point que é o nível de preços resultante de um simples cálculo matemático e representa um nível de referência importante. A sua importância é dada pelo facto de, representada nas tabelas por uma simples linha reta horizontal, proporcionar aos traders uma avaliação imediata dos movimentos dos preços correntes em comparação com a média do dia anterior, pelo que se estes estiverem alinhados com os preços do dia anterior ou forem-se superiores ou inferiores aos mesmos.

O cálculo é realizado tomando alguns níveis de preços atingidos na sessão anterior que são: o valor máximo, o valor mínimo, o valor de fecho. A soma destes valores é então dividida por três. O resultado desta fórmula simples é o nível do Pivot Point do dia. Pode fazer este cálculo manualmente, mas, na verdade não é necessário, pois quase todos os softwares gráficos atuais o fazem automaticamente.

Suportes e Resistências

Os melhores traders de Forex conhecem a importância dos níveis de suporte e resistência. Quando os preços atingem estes níveis, há a impressão de que existe um obstáculo invisível ou algum tipo de nível de preços que se opõe à continuação do movimento.

Numa tendência de alta, a resistência é um nível de preços que atrai ordens de venda e, portanto, tende potencialmente a impedir a sua continuação uma vez alcançado e é uma espécie de tecto onde os preços poderiam voltar a subir.

Numa tendência de baixa, o apoio é um nível de preços que atrai ordens de compra e, portanto, tende potencialmente a impedi-lo de continuar uma vez alcançado e constitui uma espécie de piso onde os preços podem recuperar.

Índice de Força Relativa ou RSI

O índice de Força Relativa ou RSI este é um indicador de segunda ordem que destaca a força dos preços comparando os movimentos de preços em alta ou em baixa durante um certo número de períodos. O parâmetro a ser estabelecido é 14 períodos, como recomendado pelo próprio J. W. Wilder, o inventor deste oscilador.

Ao apresentar uma banda de excursão constante, de 0 a 100, é possível identificar zonas fixas onde o oscilador se encontra numa situação extrema; será considerado zonas sobre-compradas quando o oscilador marcar valores acima de 70, enquanto seremos sobre-vendidos se marcar valores abaixo de 30.

Um mercado forte pode gerar sinais de sobre-compra ou sobre-venda e isto pode levar a uma saída de uma tendência que ainda é potencialmente válida; de facto, por vezes as fases de sobre-compra durante um mercado em alta podem durar tanto quanto as fases de sobre-venda durante um mercado em baixa.

No caso, por exemplo, de um Bear Market que gere uma situação de sobre-venda, com o oscilador, portanto bem abaixo da linha dos 30, poderia ser interessante tomar posições de alta uma vez que o valor tenha regressado a esse nível. Inversamente, este seria o caso no caso de um movimento consistente de alta, com o indicador acima da linha 70. Nesse caso, poderá ser interessante tomar posições de baixa quando se aproximar novamente da linha.

Conclusões

O domínio das principais estratégias de trading do Forex simultaneamente, é preciso compreender que se está a agir num ambiente aleatório onde as perdas são parte integrante do negócio.

É bom ter expectativas realistas e sobretudo um ‘plano b’ a utilizar se os preços não se moverem na direção desejada. Nesta lógica, a utilização do stop loss permite, mesmo que o mercado vá contra si, sofrer perdas que já foram calculadas ex ante e que podem, portanto, ser suportadas sem problemas excessivos.

Ler mais tarde - Preencha o formulário para guardar o artigo como PDF
Consent(Obrigatório)

ESTE ARTIGO FOI PATROCINADO* POR XTB

Conheça as suas principais características:

Comissões em ações e ETFs do 0%

Conta demo

Melhor Correta de CFDs e Forex | Prémios Rankia Portugal 2022

O patrocínio não afeta a veracidade e objetividade do conteúdo.

Artigos Relacionados

Quando começa a operar no Forex é comum se deparar com dúvidas, por exemplo: qual a diferença entre os diferentes tipos de corretora? Neste artigo explicaremos qual é a diferença entre Corretora Market ...
Se já enveredou pelo mundo do investimento, com certeza já tem presente que o estudo dos padrões Forex são de extrema...

Deixar uma Resposta

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments