TeleTrade: Volume como indicador de confirmação - Rankia Portugal
Entrar Criar conta
Acesso
Entrar em Rankia

Bem-vindo à sua comunidade financeira

Informe-se, debata, compartilhe experiências; aprenda sobre como economizar e investir. Faz parte da maior comunidade financeira, já somos mais de 750.000 desde 2003. Você se inscreve?

TeleTrade: Volume como indicador de confirmação

Subscrever Agora

Selecione os temas que lhe interessa e personalize a sua experiência no Rankia

Enviaremos uma Newsletter cada quinze dias com as novidades de cada categoría que escolheu


Quer receber notificações dos nossos eventos/webinars?


TeleTrade: Volume como indicador de confirmação

O volume é o indicador clássico de confirmação. As medidas de volume são frequentemente retratadas em gráficos de ações, e as suas estatísticas são incorporadas em vários índices e osciladores.

O que é volume e como é utilizado?

O volume é o número de ações, dinheiro ou contratos negociados durante um período determinado, geralmente por dia. Os seus indicadores são geralmente derivados não do próprio volume, mas da sua alteração ou mudança. O volume por si só pode ser uma medida de liquidez, mas não é útil para a análise de preços. O volume é geralmente diferente em todos os ativos, uma vez que tem por base fatores que vão para além das subidas e descidas do preço. Por exemplo, no final de 2014, o volume médio diário da Walmart rondava os 7,4 milhões de ações, enquanto da Coca-Cola era de 12,4 milhões de ações – quase o dobro. O volume é relevante como indicador e possível sinal técnico especialmente se for observado tendo em conta a sua variação e não valor absoluto.

H.M. Gartley indicou em 1935 como é que se deveria olhar para o volume nos mercados financeiros e desde então é possível observar a sua influência:

Independentemente da direção do preço:

  • O aumento do volume confirma a tendência;
  • A diminuição do volume questiona o movimento de preço.

Nas extremidades, o volume também pode potencialmente ajudar:

  • Quando o preço sobe com um volume elevado, pode significar potencialmente um topo;
  • Quando o preço sofre um declínio com um volume crescente, pode justificar a existência de um fundo.

Por outras palavras, a variação dos preços com um volume elevado tende a ocorrer no sentido da tendência, enquanto a sua variação com baixo volume tende a ocorrer nos movimentos de preços corretivos. O volume mais elevado é geralmente necessário num crescimento de preço porque demonstra interesse ativo e agressivo na procura por esse determinado ativo. No entanto, não é necessário um volume mais elevado numa queda; uma vez que os preços podem diminuir devido à falta de interesse e, portanto, a poucos potenciais compradores, resultando num volume relativamente mais leve.

Como em todos os indicadores técnicos, podem ocorrer exceções às regras anteriores. Estas regras são apenas guias. Thomas Bulkowski, no seu estudo de padrões de gráficos, encontrou muitos casos lucrativos de padrões onde foi possível observar baixo volume em vez de o volume que tipicamente se esperaria. Larry Williams também aponta que encontrou estudos de curto prazo onde não existe qualquer correlação entre o volume e os avanços e declínios de preço. Perry Kaufman e Marc Chaikin constataram também que o aumento do volume numa subida não era necessariamente positivo e que poderiam ocorrer declínios tanto no seu aumento como no declínio do volume.

No entanto, é possível constatar que o volume é um indicador secundário da análise dos preços e que, pode por vezes ser útil como um aviso de mudança de tendência, especialmente em quaisquer aumentos acentuados. Como sempre, é necessário testar cuidadosamente cada suposição feita sobre as características do volume. As correlações entre o volume e os preços não são consideradas fiáveis para serem vistas como regras absolutas, onde uma utilização demasiado rigorosa das regras tradicionais pode, muitas vezes, conduzir a conclusões incorretas sobre a ação a preços.

 

Conteúdo produzido por Frederico Aragão Morais,  Market Analyst, da TeleTrade.

 

O material postado é apenas para fins informativos e confiança nele pode levar a perdas. Os resultados passados não são um indicador confiável de resultados futuros. Por favor, leia o nosso aviso legal na integra.

 

Artigos Relacionados

O que são Triple Tops e Bottoms ? É um tipo de padrão gráfico usado para a análise técnica, com o fim de prever a inversão do movimento dos preços de um ativo. Os Triple Tops têm 3 picos ou pontas. O que é u...
Evergrande escapa à falência? Hoje falamos sobre as notícias! Os ursos à espera da grande queda nos mercados terão de...

Deixar uma Resposta

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments