Stop Loss: vantagens e desvantagens

Stop Loss: vantagens e desvantagens

Vamos ver neste artigo o que é um Stop Loss, a sua definição, as suas variantes e as “vantagens e desvantagens”.

Stop Loss: o que é?

É uma ordem explícita, sendo usada para definir limites de perda, ou seja, podemos usar um Stop Loss para definir um montante máximo da quantidade que estamos dispostos a perder e para evitar erros de falta de gestão de risco.

Stop Loss dinâmico

Além da ordem de stop loss, da qual já falamos, há também o “stop loss dinâmico”. Isso difere da tradicional stop loss na medida em que segue o preço do ativo subjacente quando ele move-se a seu favor.

Seguindo a trajetória do preço de mercado, ele pode aproveitar os lucros potenciais de tal movimento a favor. O mesmo quando o preço se move contra ele limita o risco de uma possível queda no mercado.

A sua principal característica é que ele ajuda a gerenciar o risco, limitando-o ao ponto em que a operação deve ser fechada, ou seja, se houver perdas, elas serão limitadas. Esta ordem permanecerá ativa até que a sua posição seja liberada ou até decidires cancelá-la.

O trailing Stop loss será fechado assim que o preço atingir o seu nível. Por outro lado, o trailing stop loss só vai seguir o preço que se move em seu favor e não vai se mover na direção oposta. Uma vez que a ferramenta atinge o nível de perda de parada dinâmica, ela será fechada ao próximo preço disponível, impedindo que a sua posição perca dinheiro.

Exemplo de stop loss

Por exemplo, suponha que um operador acredita que o “spread” da obrigação “X” aumentará em comparação com os níveis atuais, com base nos resultados do seu “caso de investimento”. Para evitar um impacto potencial na tua carteira, devido a um movimento na direção oposta após um choque inesperado, o operador estabelece uma ordem de Stop Loss como uma estratégia, colocando-a num nível inferior ao atual Spread. Portanto, o gerente limita a priori a perda máxima em caso de erro.

O Stop Loss agirá neste caso como uma opção “Put”, mas sem custos. A diferença é que o Stop Loss não é uma opção e será executado quando o nível necessário for atingido. O desafio com Stop Loss é definir o intervalo entre o nível atual da variável “ferramenta/ estratégia” e o nível no qual queremos que a ordem Stop Loss seja executada.

Vantagens e desvantagens do Stop Loss

• A sua principal vantagem é que nos ajuda a definir limites de perda e a proteger o nosso investimento.
• A sua principal desvantagem é que, se não definirmos o direito Stop Loss, podemos ser capazes de vender ações que podem, então, nos dar vantagens e nós não tê-los mais em nosso portfólio. Outra desvantagem seria que, se o preço não atingir o nível de Stop Loss, ele não é executado. Devido à existência de diferenças de preços em instrumentos financeiros associados a choques inesperados de alto impacto.

Outro problema que pode nos levar a perder nossa posição está relacionado à variedade de reversões rápidas de níveis extremos, em algumas estratégias de negociação. O stop loss é executado e, logo depois, essa posição recupera uma parte dessa perda.

Para concluir, devemos estar cientes de que a ordem de Stop Loss é uma ordem dada pelo gerente (Investidor ou broker), em que pode haver um erro de percepção no mercado, isso também dependerá muito do teu perfil de investidor. É aconselhável fazer um bom estudo do mercado e determinar a confiança nas ações da empresa em que queres investir ou no produto financeiro com o qual estás trabalhando. Se quiseres saber mais sobre esses tópicos visites a Rankia Itália.

Como um novo investidor, estás preocupado com as perdas, mas com a ordem Stop Loss você pode controlar e limitar essas perdas.

Sobre o autor

Henrique Garcia

Analista de Mercados

Responder a este tópico

Bem-vindo(a) à comunidade!

Selecione os temas que lhe interessa e personalize a sua experiência no Rankia

Enviaremos uma Newsletter cada quinze dias com as novidades de cada categoría que escolheu


Quer receber notificações dos nossos eventos/webinars?


Ao continuar, aceita a política de privacidade