Quando devo investir na bolsa? - Rankia Portugal
Entrar Criar conta
Acesso
Entrar em Rankia

Bem-vindo à sua comunidade financeira

Informe-se, debata, compartilhe experiências; aprenda sobre como economizar e investir. Faz parte da maior comunidade financeira, já somos mais de 750.000 desde 2003. Você se inscreve?

Quando devo investir na bolsa?

Subscrever Agora

Selecione os temas que lhe interessa e personalize a sua experiência no Rankia

Enviaremos uma Newsletter cada quinze dias com as novidades de cada categoría que escolheu


Quer receber notificações dos nossos eventos/webinars?


Investir na bolsa pode parecer difícil e assustador mas o que custa mais é dar o primeiro passo. O primeiro passo deve começar com uma formação para saber que tipo de análise devemos fazer para entender como e por que isso funciona (ou não funciona) e com base nisso, tentar tomar as melhores decisões possíveis.

Não tenha medo da bolsa

As ferramentas não são tudo, devemos também ser muito cautelosos ao tomar decisões de investimento e sempre controlar quanto dinheiro estamos dispostos a perder, esse dinheiro não será necessário nos próximos meses e diversificar para impedir que um investimento mau que nos desencoraje.

Antes de começar, deve saber que parte do risco não pode ser eliminado, pois há muitos fatores externos que podem afetar negativamente nosso investimento (política, meteorologia …) Há outros fatores que podemos controlar mais ou menos, sendo isso essencial para reduzir o risco global do investimento, por exemplo, podemos começar a comprar várias empresas de diferentes setores, caso algumas delas não evoluam de acordo com nossas expectativas. Devemos tentar sempre enfrentar o pior cenário possível, já que nosso dinheiro é a principal ferramenta para investir, e se perdemos, não podemos continuar.

Onde eu devo começar a investir no mercado de ações?

Se ainda não tem experiência, pode começar com quantias modestas de dinheiro e investir em empresas grandes e estáveis, como Apple, Coca-Cola, Microsoft … que ao longo dos anos mostraram alguma estabilidade no mercado de ações graças à sua rentabilidade passada.

Também deve saber que muitas empresas pagam dividendos e embora o preço desvalorize com o dividendo que paga no longo prazo, essas empresas tendem a ter um melhor desempenho, porque se eles pagam dividendos (de preferência em dinheiro). Essas empresas são boas porque elas têm Receitas e Lucros suficientes e estáveis ​​ao longo do prazo. Embora devamos sempre dar uma olhada antes no relatório de contas para verificá-lo.

Quanto custa investir na bolsa?

Outra questão importante a considerar é quanto custará comprar ou vender algumas ações.

Existem diferentes tipos de comissões, tais como compra e venda, custódia de títulos, taxas de ações ou operações, tais como a recebimento de dividendos, aumentos de capital, OPAs, etc. Ao escolher uma corretora, devemos ver qual se adapta melhor às nossas necessidades, mas sempre tentando pagar as comissões mais baixas possíveis, pois elas podem afetar a rentabilidade do nosso portefólio.

Eu posso ganhar para cima, mas … Eu também posso ganhar se minhas ações caírem?

Seja um investidor de longo prazo ou um investidor de curto prazo, posso estar interessado em serviços como os CFDs,que permite fazer vendas de ações sem as ter para operar a descoberto. Este tipo de operaçõe estão disponíveis em qualquer corretora que transacione CFDs de ações

Conclusão

Investir no mercado de ações não é complicado, devemos saber que estamos a entrar num mercado arriscado e é necessário determinar com antecedência quanto dinheiro estaríamos dispostos a perder no pior cenário possível, especialmente para poder dormir em paz, A saúde é o principal.

Artigos Relacionados

Evergrande escapa à falência? Hoje falamos sobre as notícias! Os ursos à espera da grande queda nos mercados terão de esperar mais alguns dias. Pelo menos para ver se este gigante desencadeia a crise finance...

Deixar uma Resposta

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments