XTB - Abertura dos Mercados - 2 de Abril de 2019 - Rankia Portugal
Entrar Criar conta
Acesso
Entrar em Rankia

Bem-vindo à sua comunidade financeira

Informe-se, debata, compartilhe experiências; aprenda sobre como economizar e investir. Faz parte da maior comunidade financeira, já somos mais de 750.000 desde 2003. Você se inscreve?

XTB – Abertura dos Mercados – 2 de Abril de 2019

Subscrever Agora

Selecione os temas que lhe interessa e personalize a sua experiência no Rankia

Enviaremos uma Newsletter cada quinze dias com as novidades de cada categoría que escolheu


Quer receber notificações dos nossos eventos/webinars?


xtb market update

Abertura dos Mercados

Por Carla Maia Santos, Sales Team Leader

As bolsas seguem a negociar em alta, animadas pelos dados da economia dos dois gigantes EUA e China.

Os índices de manufatura apresentaram valores acima do mês anterior, pressupondo um aumento do dinamismo comercial e acalmando os mais céticos quanto ao crescimento global.

Vemos assim o dólar a perder alguma força e a testar a zona de suporte dos 1.11, formando um duplo fundo, a nível técnico.

As yields a 10 anos dão o maior salto em alta, desde 4 de Janeiro. Esta valorização das y10A face às y3M volta a colocar a curva das yields em território positivo e a deixar para trás os receios de uma curva invertida, que foi no passado sinónimo de recessão.

Em Portugal, o PSI20 segue a negociar em território positivo, mas nenhuma empresa se destaca, com valorizações abaixo dos um porcento.

Pharol destaca-se pela negativa, a desvalorizar mais de dois porcento, face à acusação da CMVM quanto à falta de transparência dos seus acionistas, principalmente o empresário Tanure, que detém 18% da Pharol através de três empresas. A Pharol limita o direito de voto em 10% por acionista. Tanure, através das três empresas, passa a deter 18% de direito de voto. Enquanto esta instabilidade não ficar decidida, é normal que aPharol encontre mais volatilidade na sua cotação.

Mota-Engil, a empresa portuguesa ‘mais influenciável' pelo sentimento económico, face à forte componente externa dos negócios é das cotadas que mais valoriza.
O produto CFDs não é simples e a sua compreensão poderá ser difícil, apresentam um elevado risco de perda rápida de dinheiro devido ao efeito de alavancagem.
80% das contas de investidores de retalho perdem dinheiro quando negoceiam CFDs com este fornecedor.
Deve considerar se compreende como funcionam os CFDs e se pode correr o elevado risco de perda do seu dinheiro. X-Trade Brokers Dom Maklerski, S.A. Sucursal Portugal está inscrita na Comissão do Mercado de Valores Mobiliários(CMVM) com o número 341. Este e-mail foi enviado de acordo com os termos e condições de utilização do site www.xtb.com/pt. Esta informação foi preparada apenas para informação e não constitui uma oferta ou compromisso nem constitui aconselhamento de investimento.
Por favor, note que a empresa não oferece nenhuma garantia, expressa ou implícita, quanto à precisão ou integridade das informações e opiniões aqui. X-Trade Brokers DM S.A. Praça Duque de Saldanha Edifício Atrium Saldanha 9ºB Lisboa, Lisboa 1050-094 Portugal Esta mensagem constitui uma comunicação comercial de acordo com o artigo 24(3) da Directiva 2014/65/UE do Parlamento Europeu e do Concelho de 15 de Maio de 2014 sobre Mercados e Instrumentos Financeiros e da Directiva revista 2002/22/EC e da Directiva 2011/61/UE.

Artigos Relacionados

Por Henrique Tomé, Analista na XTB Portugal Mercado Norte Americano Os índices norte-americanos registaram ganhos sólidos durante a sessão de ontem. Com o S&P 500 a valorizar cerca de 2,38%, Nasdaq subiu...

Deixar uma Resposta

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments